Busca Home Bazaar Brasil

5 alimentos termogênicos que ajudam a emagrecer

A nutricionista Fernanda Freire revela quais são e como auxiliam no processo de emagrecimento

by Ariene Oliveira

Com a chegada do verão, muita gente anda suando a camisa para ficar com o corpo enxuto. Afinal, ninguém quer chegar na estação mais solar do ano precisando esconder suas formas quando a temperatura decreta que elas estejam um pouco mais à mostra. É tempo de praia, piscina e looks mais leves e sensuais.

Claudia Schiffer para Harper's Bazaar UK Julho 2011

Claudia Schiffer para Harper’s Bazaar UK Julho 2011

A nutricionista Fernanda Freire explica que é possível emagrecer de forma saudável com o auxílio dos alimentos termogênicos. Poderosos, eles são verdadeiros aliados na luta contra a balança e têm capacidade de aumentar o gasto calórico acelerando o metabolismo e, consequentemente, ajudam no processo de emagrecimento.

O melhor de tudo, de acordo com a nutricionista, é que além de ajudarem a eliminar de forma mais rápida os quilinhos extras, os termogênicos também tem ação anti-inflamatória e antioxidante. Mas vale um lembrete, eles sozinhos não operam milagres, precisam estar associados a hábitos alimentares saudáveis e exercício físico.

Vale ressaltar que nem todo mundo pode fazer uso desses alimentos de modo indiscriminado, pois insônia, pressão alta, taquicardia e problemas gastrointestinais são consequências apresentadas pelo uso descontrolado desses alimentos.

Pessoas com intolerância a qualquer composto presente nesses alimentos ou doenças como hipertensão, gastrite, esofagite, refluxo e enfermidades coronárias também devem consultar um profissional habilitado.

A nutricionista selecionou cinco alimentos que ajudam no processo de emagrecimento. Confira abaixo:

Chá Verde: Possui cafeína e epigalocatequina, substâncias que aliadas são uma ótima estratégia para controle da obesidade, pois aumenta o gasto energético total e aumenta a “quebra” de gordura em energia.

Óleo de Coco: Ótima fonte de triglicerídeos de cadeia média, que são gorduras mais rapidamente digeridas e absorvidas quando comparadas aos de cadeia longa. Além de também aumentar a taxa de metabolização de gordura, 90% do montante consumido é oxidado em até 24 horas, não permitindo que essa gordura seja estocada.

Pimentas: Seu princípio ativo é a capsaicina, substância que dá o sabor ardido as pimentas; portanto, quanto mais ardida a pimenta, maior o teor de capsaicina. Essa substância possui potencial termogênico e antioxidante, auxiliando assim na queima de gorduras e na diminuição do apetite.

Proteínas: Quando comparada aos demais macronutrientes presentes no nosso dia a dia (carboidratos e gorduras), a proteína é o macronutriente que exerce maior aumento da termogênese, além do aumento da saciedade. As fontes mais bem absorvidas de proteína encontradas na natureza são: frango, carnes vermelhas, peixe, ovos, queijos.

Kiwi: Além de rica em antioxidantes, essa fruta possui alto teor de fibras e vitaminas, que aliados auxiliam na manutenção do sistema digestório, principalmente na digestão de proteínas, sendo assim um facilitador da transformação de substrato em energia.

Tags: