Busca Home Bazaar Brasil

Você é consumista?

Conheça as principais características da mulher de cada signo no momento das compras e confira as dicas da especialista Mariana Queima para o consumo consciente

by Ariene Oliveira

Você faz parte daquele time de mulheres que se joga nas compras ou pertence aquela parcela da ala feminina que pensa duas vezes antes de sair do shopping carregada de sacolas? Se é do tipo que recebe o salário, vai direto às compras e está sempre disposta a ser a primeira a usar uma determinada tendência, não tem jeito: você é uma consumista perdulária.

Foto: Harper's Bazaar

Foto: Harper’s Bazaar

Se, ao contrário, prefere esperar uma boa oportunidade de compra e está sempre atenta às liquidações, você está entre as consumidoras conscientes. Por que nos diferenciamos tanto no momento da compra?

A especialista em Imagem e Astrologia Mariana Queima explica que o nosso perfil de consumo está diretamente relacionado a nossa personalidade. Mariana ressalta que a astrologia também influencia bastante na nossa maneira de lidar com o dinheiro.

Foto: Harper's Bazaar

Foto: Harper’s Bazaar

A especialista dá cinco dicas preciosas para evitar o consumo desenfreado, faz uma análise do comportamento de cada signo na hora das compras e revela como cada um deles lida com as finanças. Vem conferir as orientações de quem entende do assunto:

1. Saia de casa com uma lista ou objetivo de compra definido, assim você evita as compras por impulso e se atém aquilo que programou;

2. Na dúvida, não compre. Volte para casa e espere pelo menos até o dia seguinte, veja se já não tem no closet algo semelhante;

3. Só compre uma peça nova se já tiver no armário outras que irão combinar. Se não, é certo que precisará comprar mais itens para coordenar;

4. Não compre as novas tendências de moda por impulso. Primeiro pense se é uma tendência que combina com a sua personalidade, que está alinhada com seus objetivos de imagem e se a roupa favorece seu biotipo. E, por fim, se você tem outras peças no guarda-roupa para usar com ela.

5. Em relação aos acessórios, compre sempre na cor que você mais gostou. Não leve na versão mais básica pensando que irá usar mais vezes, porque eles podem ser o ponto de cor do seu visual e dar um efeito mais interessante!

Foto: Cena do filme "Os Delírios de Consumo de Becky Bloom"

Foto: Cena do filme “Os Delírios de Consumo de Becky Bloom”

Agora veja abaixo como cada signo se comporta quando o assunto é dinheiro:

 Áries:

A ariana é mão aberta. Gosta de presentear e materializar seus afetos. Pode ser impulsiva quando se apaixona por alguma peça e costuma gastar dinheiro com mais facilidade do que guarda. É do tipo que vê, experimenta (se tiver tempo!), e vai logo querendo saber aonde está o caixa.

Touro:
Taurinas são conservadoras, sabem poupar e costumam administrar bem suas finanças. São práticas e não gostam de desperdícios. Boas compradoras, têm “olhos clínicos” e identificam um bom investimento, ou uma boa relação custo/benefício. Gostam de coisas boas e duradouras. Preferem ir a bazares, liquidações e outlets, onde podem adquirir coisas de qualidade pelo menor preço.

Gêmeos:

A mulher de gêmeos é esperta, sagaz e intuitiva. Pode comprar bem e vender melhor. Porém, às vezes, pode confiar demais na sua intuição. Pode ser indecisa e volúvel também nos gastos. É influenciável e pode comprar a mesma peça que uma amiga comprou. Deve ficar atenta para não gastar com bobagens, acumulando coisas descartáveis ou de pouca utilidade.

Câncer:

As cancerianas gostam de se auto presentear e são muito generosas com os seus protegidos. Não esperam datas nem comemorações para demonstrar seu afeto. Preferem peças de qualidade e, quando a condição financeira permite, não hesitam diante de produtos de luxo. Gostam de gastar dinheiro com coisas para casa em razão da grande ligação que têm pelo lar. Embora sejam econômicas e avessas a desperdícios, têm um medo atávico de algo lhes faltar. Por isso, gostam de fazer coleções e estoques de tudo (comida, roupas, utensílios de casa e etc). Costumam ter um armário cheio porque não se desfazem de roupas antigas, têm uma relação sentimental com seus pertences.

Leão:

Autoconfiante por natureza, é vaidosa, cuida da imagem e da aparência, de preferência se ornando com artigos de luxo. Adora peças de muita qualidade e sente-se bem portando símbolos de riqueza, proporcionais ao seu contexto social. Quer sempre atender seus próprios desejos, por isso seu orçamento pessoal pode ser desorganizado, embora tenha grande habilidade para mantê-lo em ordem. Boa compradora, é exigente, atenta aos detalhes, ao preço de mercado e a qualidade. Sentem-se merecedoras de se proporcionar o prazer de adquirir algum bem que lhe agrade. Podem passar meses economizando só para gastar num jantar especial, comemoração ou num relógio de grife.

Virgem:

As virginianas sabem lidar muito bem com as finanças. São práticas, criteriosas, eficientes e cautelosas. Pesquisam preços e são detalhistas. Procuram sempre avaliar a utilidade daquilo que irão comprar. Não são gastadoras compulsivas, mas também gostam das boas coisas da vida. Porém, nunca ultrapassam seu orçamento. As virginianas também têm uma natureza simplificadora, não ligam para quantidade, por isso não são acumuladoras e sabem se desfazer de excessos.

Libra:

De natureza pacífica, conciliadora e ponderada, a libriana tem perfil de consumo irregular. Essas mulheres podem não comprar nada ou tudo. Apesar de ser um signo de ar e, portanto, racional, quando gostam de algo são passionais, pagam qualquer preço e não se preocupam com a funcionalidade ou o valor gasto, o que importa é o significado afetivo, o que aquele objeto representa para si. Podem ser generosas e doadoras. Preferem pagar mais caro para ter um atendimento mais requintado, não gostam de encarar filas nem ambientes tumultuados. São indecisos, podem se apaixonar por uma peça, mas no final não ter certeza do que levar.

Escorpião:

De todos os signos é o que melhor compreende a finitude humana e a sua transitoriedade, por isso podem ser as mais generosas do zodíaco. Preferem usufruir a vida no aqui e agora porque sabem que pode não existir o amanhã. São liberais em relação ao dinheiro, quase desapegadas. Gostam de presentear e são movidas pelo impulso. Podem exceder o orçamento pessoal e não ter limites com os gastos. Mas sabem que nem sempre o mais caro é o melhor. São capazes de atravessar a cidade para adquirir um produto.

Sagitário:

Embora de natureza generosa com as palavras e gestos, quando a questão é financeira as sagitarianas costumam ser mais cautelosas. Planejam o lado material, não gastam excessivamente e, muitas vezes, têm o hábito de poupar. Embora sejam ambiciosas gostam mais da sensação de ter dinheiro e usufruir da segurança que ele proporciona do que gastar. Quando vão às compras não se encantam com tudo que lhes salta aos olhos, avaliam a oportunidade e a real urgência da aquisição, pesam os prós e contras e analisam a relação custo/ benefício. Mas são grandes consumidoras de viagens ao exterior.

Capricórnio:

Para as capricornianas dinheiro é sinônimo de liberdade, sem ele não se pode decidir nada. Por isso, as finanças estão entre as suas metas mais importantes. Pesquisa preços, é cautelosa, planejada e econômica. Mas gostam de objetos que sejam símbolo de status, podendo gastar muito dinheiro com uma bolsa de grife, relógio ou sapato.

Aquário:

Existem dois tipos de aquarianas: as desapegadas e “desligadas” de questões de ordem material.  Essas podem viver de forma modesta, com ideais comunitários e em função de algum ideal sociopolítico. No outro grupo estão as intuitivas, que sentem para onde está correndo o rio dos lucros e vão nessa direção. Não costumam pesquisar preços, mas são práticas. Se gostam de um determinado modelo, podem comprar vários do mesmo em cores diferentes. Não ligam para grifes, mas podem gastar muito com os últimos lançamentos tecnológicos, seja de telefone, laptop e etc.  Valorizam mais a liberdade e a vida mental do que a material.

Peixes:

Como todos os signos de água, as mulheres de peixes também são pródigas e desapegadas. Porém, podem gastar de forma impulsiva e imprudente. Não costumam controlar suas finanças. Podem não saber ao certo quanto ganham, nem os valores que têm na conta. Podem comprar algo de grife ou alguma coisa simples, desde que gostem. Não se prendem a modismos, priorizam beleza e conforto. Não são consumistas, mas também não sabem economizar.