Nesta sexta-feira (27.11), a Brasil Eco Fashion Week realizou mais uma rodada de desfiles exibidos no Youtube. Conheça as marcas que fizeram apresentações:

Eneas Neto

A marca Enéas Neto trabalha com seda e misturas de fibras naturais. Possui em seu DNA a preocupação com sustentabilidade, ética e engajamento social. Modelagem “Zero Waste”, tingimentos artesanais com corantes naturais e estamparia eco print são pontos indispensáveis nas criações. Uma marca urbana e atemporal para a mulher que quer sentir-se confortável e que se preocupa com o impacto gerado por cada peça do seu armário.

Rico Bracco

Batizada “Remanescer”, a nova coleção da Rico Bracco segue o viés sustentável que faz parte do DNA da marca, com roupas feitas com matéria-prima essencialmente natural, tecidos orgânicos e tingimento ecológico. A coleção é dividida em dois segmentos: a linha “Amantino”, com peças de caráter mais conceitual e produzidas sob medida; e a linha “Rico”, com peças atemporais em alfaiataria.

Justa Trama

A Justa Trama é composta por trabalhadores organizados em empreendimentos da economia solidária. São mulheres e homens agricultores, fiadores, tecedores, costureiras, artesão e coletores e beneficiadores de sementes. A iniciativa acredita no comércio justo e solidário e em relações de produção sem exploração. A cooperativa central Justa Trama é uma cadeia produtiva, processo que inicia no plantio do algodão agroecológico e vai até comercialização de peças de confecção produzidas com este insumo.

We’e’ena Tikuna Arte Indígena

We’e’ena Tikuna é uma artista indígena do Amazonas. We’e’ena cujo nome significa “a onça que nada para o outro lado no rio”, nasceu na terra indígena Tikuna Umariaçu no Amazonas, Alto Rio Solimões. Formada em artes plásticas, ela leva suas obras para roupas e acessórios.

Movin

A Movin cria um projeto de produto e abre o design para todos. Com o projeto seja aprovado, começa o processo de produção. As metas da marca são reduzir geração de resíduos, estoque perdido e etapas logísticas.

A marca tem compromisso com a transparência e rastreabilidade, divulgando todas as especificações e detalhes do produto e da cadeia de suprimentos, como materiais utilizados, onde foi produzido, quanto ganhou a costureira entre outras informações importantes e necessárias.

Suas matérias-primas são inovadoras, tingimentos orgânicos e metodologias operacionais limpas para garantir a integridade das roupas.

Comas + Flavia Amadeu

A marca Comas se uniu à estilista Flavia Amadeu, que há anos pensa em design sustentável, para criar nova coleção. Flavia é PhD em design e sustentabilidade pelo London College of Fashion, onde fez parte do Centre for Sustainable Fashion. Desde 2004, ela pesquisa e projeta com a borracha selvagem colorida da floresta amazônica chamada ‘Semi-Artefact Rubber Sheet’ (FSA), entre outros tipos de materiais sustentáveis.