Foto: Divulgação

Por Chiara Gadaleta

Em 2018, a famosa loja de departamento francesa Galeries Lafayette lançou o projeto Go For Good e eu tive a oportunidade de estar em Paris na ocasião. Me recordo de ficar impressionada com a curadoria e com a variedade de peças e produtos de moda e beleza com atributos sustentáveis.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

Naquele mundo pré-pandemia, pude voltar várias vezes e descobrir marcas que não conhecia. Me lembro de ficar impressionada com o poder do design conectado com as questões sociais e ambientais. Tudo lindo e consciente! 

Foto: Divulgação

A curadoria contou com o apoio da estilista inglesa Stella McCartney e cada peça foi escolhida pelas características de menor impacto ambiental e social em toda a cadeia produtiva, valorizando desde produtores de matéria-prima, indústria, designers, estilistas e consumidores finais e utilizando bases recicladas, orgânicas e de origem vegetal.

A campanha de comunicação do Go For Good contou com grandes painéis com fotos e frases indicando os novos tempos, onde a moda e a beleza são embaixadoras em favor do planeta e das pessoas. 

Foto: Divulgação

Três anos depois, a coleção primavera-verão 2021 da Go For Good reúne marcas como Chloé, Lancaster, Calvin Klein e a própria marca Galeries Lafayette, com looks feitos à mão, algodão orgânicos, tecidos de menor impacto e couro de curtimento vegetal.  Devido à pandemia, as vendas estão sendo feitas pela internet.

Foto: Divulgação

Em um cenário mundial completamente diferente daquele de 2018 e, em tempos de responsabilidade e ESG – Environmental, Social and Governance , exemplos como esse mostram como as empresas podem e devem caminhar pela jornada da sustentabilidade e fazer parte da mudança que mundo pede hoje.

Seguimos juntes!

Bjs,

Chiara