Estamos na década da democratização das cores – e já dá para tingir o quarto dos pequenos com tons neutros, modernos ou optar por paletas mais fofas. Para inspirar os papais e as mamães nesse momento de transformação, a Bazaar Kids convidou um timaço de profissionais para mostrar projetos especiais.

 

Avant-première

Para o quarto de seu primeiro filho, a designer de interiores Ana Cecília Fioravanti, sócia da JA Interiores, optou por tecidos em tons de bege com toques de azul-claro, estampas geométricas e tricô (tudo by loja Vitrine).  O escritório de Ana Cecília atua no mercado há quatro anos, com estilo jovem e criativo, prioriza o uso de elementos naturais e adora mesclar design contemporâneo com design das décadas de 1950 e 1960. O ambiente conta com 13 metros quadrados e tem como destaque a cama de apoio que se molda ao dono do pedaço. O espaço ainda tem berço, cômoda, nichos, luminária balão e bichichos de pelúcia. www.jainteriores.com.br (FOTOS: RENATO NAVARRO)

Selva encantada

A expertise da turma da JA Interiores deu pinta no projeto assinado para Oliver. Com funcionalidade à toda prova e peças alinhadas ao tema safári, o espaço tem ar aconchegante e moderno, mas sem perder o toque lúdico. A poltrona com revestimento de tecido em ziguezague combina com a cômoda cinza e os nichos sextavados. Para fechar a cena, os quadrinhos da Mimoo e o banco recheado de leões são puro charme. www.jainteriores.com.br (FOTOS: RENATO NAVARRO)

Sweet, sweet

A casinha de boneca ficou mais cool. E de olho nessa nova pegada, a arquiteta Beatriz Quinelato tramou o décor do quarto da Helena. Com marcenaria funcional e design alegre, o ambiente exibe personalidade, com direito a teto estrelado e pendente de nuvens. O mobiliário passeia pelos tons da madeira natural, do verde-oliva e do branco, com destaque para as formas aconchegantes das peças. beatrizquinelato.com.br (FOTOS: RENATA D’ALMEIDA, PRODUÇÃO: @meumini.mundo e @betsy.decor)

Jogada certa

Ponto fora da curva, o bunker do João segue por coloridos superelegantes. A trinca preto-cinza-ocre tratou de deixar o ambiente contemporâneo e plugado nas tendências do momento. Para compor o layout, a arquiteta Beatriz Quinelato optou pelo uso da marcenaria – com jeitão emprestado dos anos 1950 –, acessórios com fibras naturais, iluminação bacana e móveis de design, além do toque cute dado pela pipa. beatrizquinelato.com.br (FOTOS: RENATA D’ALMEIDA, PRODUÇÃO: @meumini.mundo e @elianaspositobabystore)

Feeling in Finland

O estilo nórdico tem feito muitos fãs por aqui. Tudo justificado pelo traçado retilíneo do décor viking, que curte usar tanto padrões neocontemporâneos como o clássico ziguezague. Nos dois projetos idealizados por Renata Horn em parceria com a Betsy Décor é possível observar tais referências. @renatahorn.arquitetura e @betsy.decor (FOTOS: RENATA D’ALMEIDA, PRODUÇÃO: @meumini.mundo)

Fofurice em alto grau

O quarto de 12 metros quadrados foi pontuado pelo cinza e pelo branco para manter a base clássica. Os contornos contemporâneos aparecem nos detalhes eleitos pelo escritório Triart Arquitetura, que levou para o lado dos ursos grandalhões, as notas musicais exibidas no papel de parede e o xadrez nas almofadas. www.triartarquitetura.com (FOTOS: RODRIGO MELO)