Por Priscila Correia

Finalmente as férias chegaram! E, em 2021, com boa parte da população vacinada, a ansiedade dos pequenos para curtir viagens em família está ainda maior. Opções não faltam, seja para conhecer um pouco mais sobre a história do emblemático estádio do Maracanã, passar um período em uma colônia de férias ou praticar esportes diferentes.

A seguir, listamos algumas atrações que prometem deixar as crianças mais animadas.

Tour do Maracanã – Conhecer os bastidores do maior estádio da América do Sul e chegar próximo ao gramado do palco das finais de duas Copas do Mundo (1950 e 2014) e de uma edição de Jogos Olímpicos (2016) voltou a ser possível. O passeio, que tem duração de 45 minutos, é um dos passeios mais procurados pelos turistas que passam pelo Rio e pelos moradores da cidade. Dá para conhecer os vestiários (e assistir ao vídeo com lances históricos), a zona mista e as salas de aquecimento dos jogadores e a de coletiva de imprensa. Além do solo sagrado do futebol, os visitantes podem ver itens relacionados aos craques mais importantes do esporte, como Pelé, Garrincha e Zico.

Maracanã

Fazenda Faraó – Localizada em Cachoeiras de Macacu, a colônia de férias conta com construções ecológicas, onde as crianças têm a possibilidade de maior interação com a natureza.  Por ali, há caminhadas pedagógicas, aulas de culinária, brincadeiras em grupo, oficinas ecorresponsáveis, cachoeiras e piscinas de água natural – tudo monitorado por profissionais. Além da diversão garantida, a temporada na fazenda transforma a experiência dos pequenos em algo novo, permitindo amizades fora do circuito convencional e maiores desenvolvimentos social e comunitário.

Fazenda Faraó

Aventura Lab Park – Crianças e adultos experimentam os brinquedos mais tecnológicos do momento numa atmosfera futurista descolada. O parque chega à Barra da Tijuca com proposta inovadora e espaço pensado nos nativos digitais, com cinco estações que integram o mundo físico e o virtual, no conceito batizado de “Phygital” e décor inspirado nos coworkings de startup do Vale do Silício. Entre as atrações, é possível experimentar a última geração de óculos de realidade virtual, o Oculus Quest 2, uma das grandes apostas do Facebook para acelerar o crescimento do Metaverso. As crianças são transportadas para um universo 100% imersivo, no qual podem viver experiências incríveis como escalar montanhas, andar de montanha russa ou se engajar num ilimitado número de jogos estimulantes. Já com os Cubelets, é possível montar robôs de uma maneira essencialmente lúdica, na contramão das oficinas de robótica, que seguem um raciocínio linear de manual de instruções. A idade mínima para curtir o Aventura Lab Park é de cinco anos.

Aventura Lab Park

Lagoa Aventuras – A atração surgiu para transformar o Parque Municipal da Catacumba num espaço de aventura, saúde e diversão para todas as idades. Por lá, os pequenos vão se aventurar nas atividades de arvorismo, escalada, tirolesa e rapel, além da trilha até o mirante (atividade gratuita). Tudo com equipamento, guias e total segurança. A organização recomenda que as crianças usem roupas leves e tênis e levem protetor solar, repelente contra insetos e dinheiro extra para comidas e bebidas. Pelo Clubinho de Ofertas, há descontos e combos especiais para a atração.
In Cena– No coração do Rio, em Botafogo, a In Cena abre as portas de sua espaçosa casa para uma colônia de férias voltada para as artes. Com direção artística de Marcella Bártholo e coordenação pedagógica de Gabi Levask, a programação acontece de 10 a 14 de janeiro, para crianças entre 4 a 11 anos. Com o tema “Super-heróis e Super-heroínas”, a colônia tem ateliê de desenho, cineminha, contação de histórias, dança, oficinas de fantoches e música, teatro de fantoches e teatro – com direito a brincadeiras no camarim e uma apresentação para os pais e responsáveis no último dia. Para comandar a diversão, a equipe é formada por três professoras e artistas: Antonia Medeiros (música), Carol Pita (teatro) e Elis Loureiro (dança). E um detalhe importante, é possível optar pelo pacote completo de cinco dias ou por diárias.

Museu do Amanhã– A exposição “Fruturos – Tempos Amazônicos” traz, ao longo de sete áreas, a grandeza, a biodiversidade e o conhecimento presentes no maior bioma tropical do mundo. O visitante poderá se sentir parte da floresta a partir da ambientação, que tem atividades interativas, elementos que revelam a multiplicidade da Amazônia e a atmosfera sonora da região. Conduzida por uma narrativa temporal, a mostra, apresentada pelo Instituto Cultural Vale e apoiada pela Bayer, se conecta às vivências de milênios, séculos e décadas que coabitam a Amazônia hoje, além de destacar cenários e perspectivas do futuro. Já na entrada, a cenografia revela silhuetas de árvores inundadas pelas cheias dos rios, colocando em cena animais como uma sucuri e um pirarucu. Sons de seres aquáticos contribuem para criar o clima intrigante, que se estende por toda a mostra. O público pode aprender ainda mais a partir de um interativo sobre as manifestações culturais, brincar em pula-pulas em forma de vitória-régia e admirar três objetos expostos na sala: um pedaço da corda do Círio de Nazaré, uma veste do povo Ashaninka e uma roupa usada em apresentações de marabaixo. Na penúltima área, vídeos são projetados com depoimentos de habitantes da região, que trazem suas perspectivas para o futuro.

Museu do Amanhã

Zico 10 Camp – A Escola de Futebol do Zico está de volta aos resorts Club Med como programação especial para as férias de janeiro. A atividade está confirmada no Lake Paradise, localizado a cerca de 1h30 da capital paulista, e em Rio das Pedras, a duas horas do Rio de Janeiro. A atividade é oferecida no pacote all inclusive, sem custo adicional, e conta com aulas práticas acompanhada por jogos e treinos, supervisionadas por uma equipe de instrutores selecionados pelo próprio Zico. A atração é destinada a meninas e meninos, dos 6 aos 16 anos, e as aulas acontecem em dois períodos. Vale lembra que a ação conta com protocolo específico de higiene, que faz parte do programa global “Seguros Juntos” do Club Med, para segurança de alunos e professores: uso obrigatório de máscara, aferição de temperatura, distanciamento, água mineral em recipiente descartável e individual, higienização e sanitização de todo o material técnico, antes e depois de cada aula.

De acordo com o Decreto de Lei nº 49335, da Prefeitura do Rio de Janeiro, é obrigatória a apresentação do comprovante de vacinação contra a Covid para todos, acima de 12 anos.