A Copo de Leite leva o ar elegante para as cerimônias de casamento – Foto: Divulgação

Quem não quer um casamento lindo e como se tivesse acabado de sair de um conto de fadas? Arranjos perfeitos, flores em harmonia, as cores vivas, esses são detalhes que sempre são desejados na hora de planejar a decoração da cerimônia, mas apesar das flores estarem sempre tão presentes nesse momento, sendo consideradas como algo simples e rotineiro, na verdade, requer bastante atenção.

“É importante se atentar a época do ano antes de fazer a escolha das plantas e flores que serão usadas na decoração da cerimônia, além dos fatores estéticos, já que não estarão tão bonitas fora de seus períodos corretos de colheita, a produção das flores nos meses de maio e junho são menores, aumentando significamente o valor”, explica Sávio Cardoso, decorador especializado em casamentos na praia.

A paisagista Rayra Lira indica utilizar somente as flores e plantas próprias para a estação que receberá o casamento, assim sendo capaz de deixar o ambiente harmônico, bonito e sem riscos de prejudicar a identidade visual da decoração. “Confira a lista de flores que são do outono ou do inverno, por exemplo, elas são adaptáveis ao clima com a temperatura mais amena, além de também se darem bem com os ventos que costumam ser mais fortes durante essas estações”, explica.

A gérbera, que é da família dos girassóis, tem mais chances de se adaptar ao clima do ano inteiro, Rayra afirma que isso ocorre por serem flores mais resistentes, por esse fator podem ser mais fáceis de encaixar em cerimônias que são feitas ao longo das quatro estações, também explica que a combinação de tons na mesma paleta de cores, como um arranjo com as gérberas vermelhas, rosas e amarelas é recomendada para deixar a celebração harmônica.

“As cerimônias que são feitas em ar livre, como na praia ou num jardim, por conta da circulação de ar mais pertinente, precisam de flores mais resistentes e que possuem um aroma mais forte, duradouro, consequentemente precisam de arranjos maiores. As mais indicadas para essa ocasião são os lírios, lavanda e jasmim”, Sávio aconselha.

Rayra pontua que o copo de leite, uma flor extremamente elegante e desejada na hora de produzir a decoração de um casamento, é delicada, podendo não ser acessível e uma boa ideia para certas cerimônias. “Ela é sensível ao calor, a estação principal do nosso país, é mais resistente ao frio, é uma flor que não deve ser misturada com outras, o melhor a se fazer é ter um arranjo só para ela.”

As rosas são tradicionais, atemporais, clássicas durante o casamento, além de trazer o ar romântico ao ambiente, a paisagista afirma que são flores resistentes, sendo fáceis de encaixá-las na decoração, já Sávio relembra que possuem uma vasta cartela de cores, atendendo diversas decorações com propostas distintas.