Cantora Pabllo Vittar usa vestido de noiva avaliado em R$ 28 mil feito por André Betio em clipe de “Ama Sofre Chora” – Foto: Ernna Cost/Divulgação

E ela disse sim! O quarto álbum de estúdio de Pabllo Vittar ainda não tem data para estrear, mas a primeira faixa deste novo trabalho chamada “Ama Sofre Chora” chegou nesta quinta-feira (07.05) e foi – literalmente – das plataformas digitais para o altar.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

No videoclipe da faixa, que é embalada por um forró eletrônico muito em alta nas playlists de sucesso no Brasil a fora, a drag queen utilizou-se da estética tradicional e bem conhecida dos casamentos e vestiu-se de um vestido branco deslumbrante na produção.

O vestido de Pabllo Vittar foi feito pelo estilista brasileiro André Betio, que é focado no mercado de luxo e noivas com ateliê localizado no bairro do Jardins, em São Paulo.

Em papo com a Bazaar, o diretor criativo da marca homônima contou que o vestido usado pela drag queen demorou dois meses para ficar pronto e custou por volta de R$ 28 mil reais.

“O vestido levou dois meses para ficar pronto, levando em conta todo processo criativo, reuniões, concepção, provas de roupas e a entrega, de fato. Tínhamos uma costureira exclusivamente nesta roupa. Ele custou por volta de uns 28 mil reais, mais ou menos”, contou salientando que, o caso de Pabllo foi uma exceção.

O single “Ama Sofre Chora” é a primeira faixa do quarto álbum de estúdio da drag queen Pabllo Vittar – Foto: Ernna Cost/Divulgação

“O vestido da Pabllo fugiu à regra porque, geralmente, uma noiva de fato demora por volta de 6 meses a 1 ano para ficar pronto. Mas como eu já conhecia as medidas dela por já termos trabalho em outros looks, tudo caminhou mais rápido entre mim e o stylist dela João Ribeiro”, completou.

Mesmo fugindo à regra no tempo, o processo criativo entre André Betio e a cantora foi igual a de uma noiva comum, segundo o estilista, com troca de referências e construção colaborativa.

“Foi um trabalho bem minucioso, perfeito. Realmente, como é um processo de noiva mesmo. Ambos trouxeram referências, deram ideias e criamos juntos o caminho para seguir. Tivemos – mais ou menos – 5 reuniões para tratar dos ajustes e ver o decote no corpo. Fizemos  apenas uma prova presencial porque a Pabllo não mora em São Paulo, mas deu tudo certo”, revelou, dando detalhes.

A principal inspiração para o look da cantora foi um vestido da casa de alta-costura londrina Ralph Russo, fundada por Tamara Ralph e Michael Russo em 2010, usado pela modelo brasileira Adriana Lima no festa pós- Oscar 2020, promovida pela revista Vanity Fair.

A modelo brasileira Adriana Lima usou um vestido da Ralph Russo na festa da Vanity Fair pós-Oscar 2020 e foi inspiração para o look de Pabllo – Foto: Getty Images // Ernna Cost/Divulgação

Guardada todas as proporções, o look de Pabllo foi feito com material totalmente nacional: desde a seda – principal material do vestido – até as pedrarias e miçangas da meia-calça – um dos pontos altos do vestido. Tudo brasileiro.

“Ele é todo feito de seda nacional, vinda de um fornecedor chamado Duratex. É uma seda nacional, fiada aqui no Brasil mesmo, no Sul do País e entregue aqui em São Paulo para o meu ateliê. A meia é cheia de pedrarias e cristais. Tudo coladinho, com canutilho gigante, torcido de vidro, cristal gota, miçangas e vidrinhos de dois tamanhos”, completou.

Muito além de mais um trabalho, Betio se diz feliz demais por trabalhar com Pabllo Vittar por conta de tudo que a drag queen representa dentro – e fora – da comunidade LGBTQIAP+.

“Sou um homem gay, que já passou por muitas questões, em que ela também passou, né? Já tenho as minhas bandeiras, me identifico muito com a causa por justamente fazer parte dela, por ter sofrido todas as problemáticas que um gay sofre dentro da nossa sociedade tão homofóbica”, concluiu, contando que ama as músicas da cantora. “Amo a arte de Pabllo e todo o movimento pop”.