Depois de um tempão sem comemorar os bons momentos da vida, as festas retornaram ao line-up em grande estilo. E como todo mundo só pensa em celebrar, a turma da Harper’s Bazaar Noiva fez pit stop num dos eventos mais aguardados do setor – a ABCasa Natal e Festas, que acontece até hoje, dia 27 de maio, no Anhembi, em São Paulo – para conversar com um quarteto de profissionais que conhece os segredos mais bem guardados do sucesso.

Foto Eduardo Pozella / Produção Virgínia Lamarco 

A empresária Beatriz Kock aproveitou o bom gosto natural e a bagagem dos anos de jornalismo para criar a MIMOemflor, produzir conteúdo de qualidade e ainda fazer a direção de arte de marcas bacanas. Para ela, esse é o momento de apostar nos encontros presenciais e com lotação máxima. “Embora o petit comité siga como forte tendência, em especial, no circuito de casamentos, acredito que o desejo de reestabelecer o convívio humano trouxe de volta o formato das grandes recepções”, pontua. Conceição Cipolatti, uma das referências do décor natalino de shoppings centers, também se prepara para orquestrar as suas ambientações para públicos enormes. “Foram dois anos represados, e agora as pessoas querem sair às ruas e curtir cada segundo. Para este Natal, imagino coloridos metalizados ao lado da paleta tradicional, com personagens descontraídos e felizes.” Neste roteiro, Beatriz fez questão de observar que nem as flores escaparam do glamour metálico: “Os arranjos secos podem ser pintados e isso muda completamente o visual do espaço. O dourado e o prateado deixam tudo mais chique. Por sinal, os ramos secos do estilo boho agora figuram em qualquer tipo de cerimônia.”

Já para o designer de bolos e dono da The King Cake, Nelson Pantano, além das cores, é bom dar atenção aos bolos horizontais – aqueles grandalhões (de uma camada), que ocupavam a mesa toda na década de 1950 –, e que entraram no radar dos descolados. “Mas nada de extrapolar na receita. O bolo é apenas um dos itens da festa e não é legal que sobre demais”, diz. Discurso potencializado pelo cenógrafo Marcelo Bacchin, um expert com mais de 20 anos de estrada, que foca os olhos nas produções sustentáveis e equilibradas. “Ficou cafona exagerar. Penso que temos que resgatar aquela coisa gostosa dos casamentos antigos, quando os convidados levavam para a casa um dos vasos da mesa, por exemplo. O amor combina com compartilhamento – e, em tempos como o que estamos vivendo, nada mais luxuoso do que praticar o desapego.”

Foto Eduardo Pozella / Produção Virgínia Lamarco 

Créditos: Boleiras @decorattacasaecia; Forminhas de doces @clarijuoficial; Arranjo de flores secas @villaggiodasFlores; Plumas @cromusfestas; Bowls com pé @silveiraceramicaartistica; Enfeite cupcake @cromusfestas; Sousplat, prato, copos e talheres @casamixbossa; Arranjo de flores peônias permanentes @winmaxdecor

Saiba mais: ABCasa Natal, Festas e Parques