Foto: Getty Images
Foto: Getty Images

Por Ana Paula Buchalla

Exercício em cápsula
O SR9009 acelera o metabolismo e aumenta a massa muscular, sem que seja preciso pisar numa academia. A pílula está sendo desenvolvida pelo Scripps Research Institute, em Jupiter, na Flórida. Em ratos de laboratório, o composto emagreceu, fez aumentar a massa muscular e ainda deu um boost no desempenho físico dos roedores. Segundo os pesquisadores, o remédio será vendido em poucos anos, com indicação para pessoas com doenças metabólicas, como obesos e vítimas de diabetes tipo 2, que precisam perder peso como parte do tratamento. Difícil não imaginar seu uso off label para quem quer exibir músculos num corpinho magro, sem muito esforço. “Produtos que aceleram o meta¬bolismo poderão ser muito úteis no futuro, apesar de não serem capazes de proporcionar o bem-estar da atividade física, a mudança de hábitos alimentares e o controle do estresse”, diz o endocrinologista Filippo Pedrinola.

Ataque à papada
O queixo duplo é um pesadelo estético de difícil tratamento. Ou, pelo menos, era. Um novo produto injetável, o ATX-101, está apenas aguardando a aprovação do FDA para chegar ao mercado. Basicamente, a série de injeções dissolve a gordura sob o queixo. Parte dela é absorvida pelo organismo como forma de energia, e o restante é eliminado pela urina. “Já vi estudos experimentais que comprovam seu resultado e eles são bem significativos”, diz a dermatologista Mônica Aribe. Até há pouquíssimo tempo, as únicas opções contra o problema eram procedimentos invasivos, como lipo ou lifting. “A desvantagem do tratamento com agulhas é que ele pode causar inchaço transitório e, se mal aplicado, o paciente sente algumas nodulações na pele”, diz o dermatologista Jardis Volpe.

Adeus à barriguinha
O laboratório de biotecnologia Lithera, de San Diego, na Califórnia, investe alto na invenção que promete uma barriga lisinha e menos flácida já no primeiro mês de tratamento. O Lipo-202 está em fase inicial de pesquisas clínicas. São injeções de uma droga usada originalmente para tratar asma, que, quando aplicadas na região abdominal, teriam o poder de quebrar as moléculas de gordura, diminuindo a gordura visceral – os tratamentos atuais só atingem as camadas adiposas superficiais – e deixando a barriga mais firme. É uma espécie de releitura da mesoterapia, lembra-se dela? São 20 pequenos shots na região abdominal, uma vez por semana, durante oito semanas.

Farta cabeleira
A solução para acabar de vez com a calvície parece estar numa pesquisa com clonagem de cabelo humano realizada pela Columbia University, em Nova York. Os especialistas conseguiram promover o crescimento de fios doados por voluntários a partir da cultura de um pequeno número de células da base do folículo capilar que, em poucas semanas, passaram a se multiplicar. Injetadas em tecido humano, elas cresceram normalmente. A intenção é que, depois de aprovadas, as aplicações sejam feitas no couro cabeludo. “O novo procedimento é uma evolução, especialmente para as mulheres, que sofrem para conseguir fazer o transplante capilar”, diz Jardis Volpe. A previsão é que a técnica esteja disponível nos próximos cinco anos.

Assine Harper’s Bazaar