Backstage - Foto: Sean Cunningham/Harper's Bazaar
Backstage – Foto: Sean Cunningham/Harper’s Bazaar

Indagada por algumas de suas clientes, a esteticista Shani Darden, que atende starlets como Jessica Alba e Rosie Huntington-Whiteley, mostra como cuidar da pele oleosa é mais prático do que se imagina. “O maior erro das mulheres é escolher o produto errado. Muitas usam cleansers muito secos, seguidos de hidratantes muito pesados. Isso resulta em uma maior produção de óleo por parte da pele e congestionamento das vias de escape da mesma.” conta.

Confira as cinco regrinhas básicas para mudar na rotina de beleza:

Cleasers: “Para os pacientes com pele oleosa ou aqueles que usam maquiagem pesada, um cleanser pode não ser o suficiente, e nesse caso, é importante purificar de forma correta a pele, evitando possíveis rachaduras,” conta a doutora Ellen Marmur.

Máscaras: o barro vermelho é o ingrediente herói quando o assunto é purificar os poros e sugar a oleosidade. Pode ser encontrado nos produtos de skin care da First Aid Beauty. Comece usando uma vez por semana.

Hidratantes: “A maioria dos cremes é pesado,” conta Shani, “mas uma boa dica para seguir é, se está escrito ‘ideal para todos os tipos de pele’, pense que não seria legal ter rachaduras na pele ou deixá-la oleosa na zona T do rosto. Eu começaria ali, pensando ‘isso não vai funcionar.'”

Protetor solar: Procure um com base mineral, e fator de proteção físico e não químico. Eles contém dióxido de titânio ou óxido de zinco, que são compostos oil-free e ficam sobre a pele, ao invés de serem absorvidos, não obstruindo os poros ou outras reações diversas.

Maquiagem: Um primer de silicone é a pedida, porque ele irá criar uma barreira protetora contra as ações da maquiagem diretamente na pele. Outra boa opção são os pós minerais, tais como o bareMinerals Matte Foundation.