Foto: Reprodução/Harper's Bazaar Vietnam
Foto: Reprodução/Harper’s Bazaar Vietnam

A preocupação com o meio ambiente é a pauta da vez: aquecimento global, cuidados com os animais, poluição… a história do canudinho fez até a Tiffany & Co lançar uma versão em prata do produto. E o mercado de beleza não ficou para trás: os produtos halal são a bola da vez. Desenvolvidos de acordo com as leis islâmicas, não contém álcool e nem matérias-primas derivadas de animais.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM 

A filosofia dos cosméticos halal é promover um método de fabricação transparente e uma conduta comercial adequada e justa, aplicando boas práticas de fabricação em seus processos.

Foto: Reprodução/Harper's Bazaar Vietnam
Foto: Reprodução/Harper’s Bazaar Vietnam

Segundo a TechNavio (empresa especializadas em análises setoriais), o segmento de cosméticos movimentou cerca de R$ 77 bilhões em 2014, e esse valor deve dobrar até 2019. Em 2016, de acordo com o PEW Research Center, o valor de mercado global dos produtos halal totalizou aproximadamente R$ 175 bilhões, de deve crescer 29% até 2020.

O Brasil é referência mundial e, atualmente, exporta para 57 países islâmicos, sendo 22 desses países árabes. Estima-se que a economia halal global atinja a marca de R$ 24,6 trilhões este ano, acima dos R$ 12 trilhões contabilizados em 2012, conforme dados levantados pelo ESMA – Autoridade de Padrões e Metrologia dos Emirados Árabes.

Separamos cinco produtos halal para você experimentar:

1. 2. 3. 4. 5. - Foto: Divulgação
1. Amara, blush, R$ 85; 2. Zahara, sombras, R$ 93; 3. Amara, batom, R$ 54; 4. Amara, esmalte, R$ 50; 5. Zahara, gloss, R$ 85 – Foto: Divulgação

LEIA MAIS
Cílios e sobrancelhas: o que usar para os pelos crescerem
Efeito glossy: aprenda como fazer o make!
Le Grand Musée Du Parfum, em Paris, encerra suas atividades