Laser pulsado para se livrar das estrias- Foto: reprodução
Laser pulsado para se livrar das estrias – Foto: reprodução

Existem muitos remédios e tratamentos que as mulheres usam para tentar evitar estrias, mas fazê-las desaparecer por completo é uma tarefa quase impossível. Entre tantas alternativas, o laser é a solução dada como certa pelos dermatologistas.

A primeira pergunta a fazer é, sem dúvida, o que causa essas marcas antiestéticas. As estrias são cicatrizes superficiais que podem se desenvolver em qualquer momento de nossas vidas e surgem devido à ruptura de algumas camadas de nossa pele. A derme que, ao se romper, precisa de tempo para se recuperar.

É geralmente associada com mudanças bruscas de peso – por exemplo, durante a gravidez. E há sempre vários elementos relacionados: os músculos, hormônios e a própria pele. Assim, cerca de 90% das mulheres ganham estrias após o sexto ou sétimo mês de gravidez.  A puberdade é outro período em que elas costumam aparecer.

Há muitos truques para tentar preveni-las. O básico é hidratar a pele para conseguir uma elasticidade natural que suporte as distensões que o corpo pode sustentar. É importante beber bastante água, manter uma dieta saudável e equilibrada (rica em vitaminas e magnésio), e evitar exposições prolongadas ao sol.

Além disso, o mercado oferece cremes ricos em vitamina E que, se aplicado diariamente, podem ajudar a evitar marcas indesejadas ou mesmo diminuir, gradualmente, as cicatrizes que já se formaram. Estas loções, ao serem usadas em massagens corporais, ajudam a estimular a síntese de colágeno. Mas isso não basta e, infelizmente, ainda não existem estudos científicos que comprovam que o método é o mesmo eficaz.

No entanto, de acordo com os experts, seu melhor aliado para dar um fim nas estrias pode ser o laser pulsado – ainda que não sirva para todos os casos. Ele só funciona se as marcas são relativamente recentes, não se aplica para as estrias mais velhas, e se elas têm tons diferente do vermelho (que é precisamente a cor em que o laser é aplicável). As sessões de laser devem ser repetidas a cada três meses e também pode ser feita como método de prevenção. Para experimentar já!