Editorial "Spring Please" - Foto: Reprodução Harper's Bazaar Setembro 2014
Editorial “Spring Please” – Foto: Reprodução Harper’s Bazaar Setembro 2014

Por Paula Jacob

Após a última temporada de moda internacional e nacional, onde modelos entravam na passarela com make clean, pele fresh e iluminada, a qualidade da pele entrou em questão. Hidratantes e bases com cobertura fluida viraram hits e passaram a ser disputados à unha nas melhores lojas de cosméticos mundo a fora. A tecnologia e o minimalismo na beleza fizeram com que a mulher se libertasse da máscara e se permitisse usar a sua pele como base de tudo.

Com a evolução dessa tendência all clean, as famosas sardas ganharam outro patamar, nos backstages dos desfiles e nas salas dos melhores maquiadores. “Muitas mulheres sentam na cadeira e me pedem para cobrir as sardinhas no rosto, elas se mostram insatisfeitas” diz o makeup artist Roosevelt Vanini, do Celso Kamura, em entrevista à Bazaar. “As sardas representam a jovialidade, remetem à infância, trazem esse viço com tanta naturalidade, tudo o que a nova era da maquiagem proporciona” completa.

Editorial "Spring Please" - Foto: Reprodução Harper's Bazaar Setembro 2014
Editorial “Spring Please” – Foto: Reprodução Harper’s Bazaar Setembro 2014

Para as mulheres que já possuem as desejadas sardinhas, a dica é não escondê-las. Caso ainda se incomode com elas, opte por bases com cobertura fluida, que escondem de leve o charme do rosto. Se por acaso você não tenha, existem algumas maneiras de fazer as pintinhas.

“Antes de tudo a mulher precisa ser sensata, entender a cor da sua pele e o seu rosto. Não adianta fazer sardas em peles mais escuras, porque não é da natureza da dela ter sardas” comenta Roosevelt. “As sardas não são uniformes, portanto não adianta fazer pontinhos iguais no rosto, do contrário, ficará parecendo uma fantasia de festa junina”, complementa.

freckles-beleza-harpers-bazaar(4)
Editorial “Spring Please” – Foto: Reprodução Harper’s Bazaar Setembro 2014

O truque é escolher o lápis marrom ideal, e aplicá-lo de leve sobre a pele, já pronta. O efeito visual da opacidade das sardas se dá através das batatinhas de leve, feitas com uma esponja, que irá absorver o excesso de cor e a definição do ponto. As pintinhas também podem ser feitas com pincel de delineador e sombra aqua color. “Faz uns quatro anos, em uma edição do Fashion Rio, usamos no backstage um recorte de papel manteiga, perfurado com agulha de tricô. Colocamos a película no rosto, borrifamos a base da Dior (de leve), e usamos a esponja para tirar o excesso” conta Roosevelt.

Portanto, se a pele nada parecer sem graça depois de algum tempo, as sardas são uma ótima opção para iluminar o rosto de forma natural. Aposte!