Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Após lançar um video, reunindo todas as imagens icônicas da trajetória incrível da marca, a Lâncome reinventa três das cores históricas da marca, em uma coleção-cápsula limitadíssima. E o “issima” não é exagero.

Armand Petitjean, fundador da gigante de cosméticos, tinha um know-how de cores e inspirações, que, não a toa, transformou a marca no que ela é hoje. Mesclando a imagem feminina da mulher francesa com toda essa bagagem de Armand, nasceu a nova linha do queridinho L’Absolu Rouge, com três cores inspiradas em mulheres diferentes, para momentos diferentes do nosso dia dia.

O Rouge Désir (1951) traz a sensualidade agitada da heroína de Um Bonde Chamado Desejo, peça de Tennessee Williams, que foi um sucesso mundial na década de 50, e ganhou adaptação para as telas, com Vivien Ligh e Marlon Brando como protagonistas. Já o Rouge Impatience (1949) traduz a juventude e independência das francesas, com um toque de ousadia, aquele segredinho que toda mulher guarda na manga. Para completar o trio, o Tango Rose (1958) que reinterpreta o espírito de liberdade e alegria da década de 50.

Pela primeira vez na história, a Lâncome irá lançar a coleção exclusivamente no seu e-commerce. Corra antes que acabe. Um batom para guardar para a vida!

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação