Foto: Pixabay

O grupo LVMH anunciou no domingo (15.03) que, a partir desta segunda-feira (16), as fábricas de cosméticos de marcas como Dior Parfums, Guerlain e Givenchy Parfums deixa de fabricar produtos para o mercado e investe apenas em álcool gel, que será distribuído gratuitamente para os hospitais da França. Uma atitude verdadeiramente solidária, como pedem os tempos atuais de combate ao coronavírus. Hoje dia de ficar em casa, mas, se precisar ajudar um vizinho, também é hora de pensar no outro.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

Prevenção é a palavra de ordem quando o assunto é coronavírus, especialmente quando se trata de pessoas acima de 60 anos. Um estudo do Centro de Controle e Prevenção de Doenças da China aponta que a letalidade progride de acordo com a faixa etária e, em pessoas com mais de 80 anos, pode chegar a 15%.

Bazaar consultou o Grupo DG Sênior e apresenta uma cartilha dando dicas de prevenção com seis passos:

1. Lavar bem as mãos com sabão até os cotovelos sem esquecer de esfregar entre os dedos. Dê preferência a sabonete líquido.
2. Utilize álcool 70% para substituir a lavagem das mãos ou até para finalizar.
3. Em ambiente público, evite passar a mão na boca, olhos e nariz, já que o vírus é transmitido por vias aéreas e pelo contato com secreções respiratórias
4. Manter limpos os ambientes. Higienizar superfícies, móveis e até o celular com produtos desinfetantes.
5. Prefira não cumprimentar as pessoas com beijo no rosto. O contato próximo e a saliva devem ser evitados.
6. Estar com vacinas contra gripe em dia

“Pegar uma gripe e o coronavírus ao mesmo tempo pode gerar uma infecção cruzada e potencializar as duas doenças. Isso proporciona a queda do sistema imunológico e consequentemente aumenta os riscos de letalidade”, explica Marcella dos Santos, enfermeira chefe do Grupo.

“É comum esquecermos de manter o controle sobre outras doenças quando aparece uma epidemia como coronavírus, no entanto, se o organismo estiver forte as chances de uma nova infecção levar o paciente à morte é muito menor”, conclui Marcella.