Coleção - Foto: Divulgação
Coleção – Foto: Divulgação

Por Sarah Kern, de Paris

Quatro amigas estão apaixonadas pelo Mr. Shu Shu. Mas uma não sabe da outra. Certo dia, em alguma cidade cosmopolita, elas se encontram, descobrem a paixão em comum e discutem. Tudo, claro, da maneira mais fun possível. As boquinhas vermelhas inconfundíveis da designer egípcia baseada em Paris, Yaz Bukey agora têm cores diferentes e suas próprias donas: Romantic Betty, Sexy Yaz, Smart Lola e Daring Tina. Ela acaba de lançar uma coleção em parceria com a Shu Uemura que promete ser tão hit quanto os produtos da Yazbukey, sua marca de acessórios-pop que já conquistou nomes como Björk (a cantora islandesa comprou a primeira coleção inteira da desginer).

Make-up junkie, Yaz se envolveu profundamente em cada um dos 34 produtos da coleção – segundo os PRs da Shu Uemura, ela fez a colaboração mais engajada até hoje. Foram dois anos de trabalho para chegar a óleos de limpeza facial, cores e embalagens que estivessem no nível exigido por Yaz. Bazaar conversou com ela durante o lançamento da coleção na Colette, em Paris.

Harper’s Bazaar: Toda a coleção transpira poder. Existe uma wonder woman por trás dela?
Yaz Bukey: Definitivamente! É algo meio Sex And The City, essa ideia de quatro garotas que têm trabalhos legais, que são bem-sucedidas e independentes. Elas representam o girl power, cada uma a sua maneira. Uma é mais inteligente, a outra mais sexy e tem também a romântica. Cada personagem tem uma cor.

HB: Então o ideal é comprar a coleção inteira e usar cada personagem dependendo do humor do dia?
YB: Pode ser de duas formas. Por exemplo, eu sou a Yaz romântica, então vou comprar a linha rosa. Mas se quero me sentir absolutamente sexy em um jantar a dois, posso comprar a linha sexy. A ideia dessa coleção é que cada mulher pode se tornar o que quiser por meio da maquiagem. Nós podemos atuar, fazer de conta. É tudo um jogo. Fazemos isso o tempo todo, como quando andamos na rua de tênis e sem maquiagem durante o dia e à noite resolvemos colocar batom e salto. São diferentes formas de emanar o cat power que está dentro de nós.

HB: Suas coleções têm sempre histórias por trás. Quem é o Mr. Shu Shu?
YB: Ele foi uma invenção minha, mas tem uma história inacreditável por trás disso. Depois que criei o Mr. Shu Shu, fiquei sabendo que Frank Sinatra chamava Shu Uemura assim, quando ambos trabalharam juntos. Foi demais quando descobri.

HB: Qual produto que deixou você mais orgulhosa?
YB: O óleo de limpeza facial. Sou louca por cosméticos, já usei todos os tipos. Mas este óleo é especial. Ele deixa a pele muito hidratada, sem que ela fique oleosa.

HB: Todas as cores da coleção foram criadas por você. Qual tem mais a cara da Yaz?
YB: O vermelho do batom, porque ele dá poder à mulher. As pessoas ficam hipnotizadas enquanto você fala. Nós criamos todas as cores, mas este deu mais trabalho. Eu queria chegar a um vermelho que tivesse vários tons de azul na composição, mas que não se tornasse roxo. O azul faz com que esse batom funcione em vários tons de pele.

A coleção está disponível em shuuemura.com