Foto: Arquivo Harper’s Bazaar

Queixas de insônia e transtorno de ansiedade durante estes meses de quarentena têm sido mais comuns do que nunca. O excesso de informação – nem sempre confiável -, dúvidas em relação ao vírus, os números altíssimos de casos e impactos econômicos levaram o mundo inteiro a lidar com uma situação trágica e inimaginável, que abala profundamente a saúde mental e emocional de qualquer um.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

Tentar se desligar dos problemas e relaxar para uma boa noite de sono se tornou essencial e, ao mesmo tempo, difícil. De acordo com Carol Magno, instrutora de ioga da plataforma de bem-estar Mude, exercícios pesados ou práticas de ioga que acelerem muito não são indicados para serem feitos à noite, já que podem despertar mais ainda o corpo.

“Pode gerar mais dificuldade para dormir, pois o corpo demora para acalmar. Portanto, indico exercícios com alongamento para relaxar os músculos e as articulações a partir das 18h”, explica a expert.

Para quem tem sofrido com a ansiedade e precisa acalmar a mente, Carol indica uma técnica infalível de respiração, a “Nadi Shodhana Pranayama”, que consiste na respiração de narinas alteradas.

“É uma técnica simples que acalma imediatamente – e é até considerada antidepressiva -, pois limpa os canais bloqueados do corpo e libera a tensão acumulada, ou seja, ótima para a quarentena e para o horário noturno. Pode ser feita em qualquer lugar e momento do dia para relaxar. Quando sentir nervosismo, pare e respire com as pontas dos dedos indicador e anelar, alterando a inalação e a exalação de cada narina”, ensina a especialista.

Automassagem

Já a especialista em ioga facial e fonoaudióloga Alessandra Scavone, criadora da técnica Masc Facial, recomenda pressionar certos pontos que irão relaxar os músculos da face. “Recomendo usar a ponta dos dedos ou, com a mão fechada, a parte da falange média, porque às vezes só com o dedo não dá para ter tanta estabilidade para pressionar os pontos. É importante fazer essa massagem de pressão porque, muitas vezes depois de um dia estressante, você joga toda tensão na musculatura do rosto e os músculos chegam ao final do dia muito tensos”.

Veja o passa a passo da especialista:

Cabeça e couro cabeludo
“Aperte o topo da cabeça, bem no meio, porque muitos nervos se conectam nesse ponto. Sente alguma coisa neste lugar? Use o dedo indicador ou o médio de ambas as mãos e o aperte. Depois, comece a dedilhar essa região para estimular o couro cabeludo – neste momento, estamos enviando uma mensagem para o nosso corpo e rosto. Bata nas laterais também, em toda a região temporal. Volte as batidas para o topo e desça para trás, até chegar no nuca. Se você sentir desconforto aí, isso pode indicar que seus olhos estão cansados. Há pessoas que inclusive percebem uma diminuição na queba de cabelo com esse estímulo, além de aumentar a circulação.”

Olhos
“Coloque os polegares no ponto central do topo da cabeça e os quatro dedos na sobrancelhas. Deslize os dedos que estão nas sobrancelhas para a lateral, direção têmporas, parte lateral do couro cabeludo e desce. Relaxante, não? Repita algumas vezes.”

Testa
“Faça com as pontas dos quatro dedos, saindo das sobrancelhas em direção ao couro cabeludo e, quando chegar neste ponto, você pode inclusive trocar a ponta do dedo para unhas. Siga o caminho sobrancelha, testa, couro cabeludo e nuca. De volta à testa, dê batidinhas com os quatro dedos de cada mão – seguindo do centro para fora. Isso é muito relaxante. Agora com a mão fechada, deslize as falanges do centro para fora da testa. Você vai notar pontos de tensão e eles vão dar lugar à uma boa sensação. Feche os olhos.”

Orelhas
“Vamos estimular as orelhas: dedos nos lóbulos, puxe para baixo e para fora. Isso é relaxante porque temos nas orelhas pontos da Auriculoterapia Francesa, comprovados pelo dr. Paul Nogier e aprovados pela OMS, e existem muitos pontos que quando você estimula tem relação com o sistema nervoso central. No lóbulo, há pontos de ansiedade, insônia e região ATM – já dá até um soninho de estimular essa região, não é mesmo? Depois, suba pelas orelhas e estimule a parte lateral mais central, puxe para fora, feche e abra as orelhas e as massageie completamente. Feche os olhos, foque na área e na sua cabeça.”