Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Por Luísa Graça

É noite de Natal e uma nevasca em Manhattan impede que os convidados célebres de Bill Murray cheguem ao hotel The Carlyle, no Upper East Side, para assistir a seu show com transmissão ao vivo em rede nacional. Essa é a premissa de A Very Murray Christmas, especial de festas da Netflix, em que Murray e Sofia Coppola se encontram novamente, depois de uma feliz parceria entre ator e diretora em Encontros e Desencontros (2003), com direito a cenas do ator contemplando o skyline nova-iorquino que lembram o longa.

O especial, que vai ao ar no dia 4 para assinantes, é uma homenagem bem-humorada a programas clássicos natalinos, com números musicais e, claro, participações estelares. Acompanhado por Paul Shaffer ao piano, Murray faz as vezes de crooner, cantando canções típicas da época, como Let It Snow e Baby It’s Cold Outside, na companhia de Jenny Lewis, Phoenix, George Clooney e Miley Cyrus, entre outros notáveis.

“Nosso especial é um pouco estranho”, diz Sofia. “Ficamos bem à vontade para fazer o que quiséssemos. A ideia surgiu de conversas com Bill e Mitch [Glazer, o produtor] e parecia divertido reunir todas essas pessoas das quais somos fãs.” O fato de que realmente foi rodado durante uma nevasca em Nova York só tem a acrescentar ao clima natalino, explica o produtor. “Tivemos a sensação de que estávamos vivendo o programa. Presos num hotel com pessoas que amamos, cantando músicas de Natal…Foi fantástico.”

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação