Foto: Lawrence Schiller/Taschen

Ao longo de sua vida, Marilyn Monroe foi retratada de diversas maneiras, fosse incorporando personagens no cinema ou como tema de diversos fotógrafos, que tiveram a oportunidade de clicar a bombshell.

Caso de Lawrence Schiller, que, aos 25 anos de idade e no começo de sua carreira como fotógrafo, foi o responsável pelo último grande registro fotográfico da vida da atriz.

Schiller foi contratado pela revista Paris Match para fotografar Ms Monroe nos bastidores do filme Something’s Got to Give, que acabou não sendo finalizado, em função da morte da atriz, em 1962. O que ficou, porém, foi um lindo registro de Marilyn, poucos meses antes de seu falecimento. Agora, 50 anos mais tarde, a editora Taschen decidiu publicar a história de Schiller, praticamente inédita para muitos.

Produzido em edição limitada (serão 1962 cópias, numero do ano da morte trágica da atriz), o livro Marilyn & Me: A Memoir in Words and Photographs traz 210 páginas com diversas imagens produzidas nos bastidores das gravações, entre elas, os famosos cliques na piscina. O resultado é um retrato real e inesperado, que captura a estrela no meio de sua luta final.

Previsto para ser lançado nos próximos meses, todas as obras serão numeradas e assinadas, com valor a partir de US$ 1000. Clique na galeria abaixo para conferir algumas imagens e aqui para assistir a uma entrevista com o autor.