A obra Sem título (2013) de Vânia Mignone - Foto: divulgação/Harper's Bazaar
A obra Sem título (2013) de Vânia Mignone, exposta pela carioca Merceder Viegas – Foto: divulgação/Harper’s Bazaar

Por Clara Reis

No ano passado, a segunda edição da ArtRio fez um tremendo barulho no mercado de arte brasileiro. A estreia de galerias estrangeiras, como a gigante Gagosian, numa feira de arte no Brasil, e os números grandiosos – da quantidade de visitantes ao tamanho das obras e, sobretudo, os valores – criaram uma grande expectativa para 2013. Agora, a terceira edição da feira de arte carioca, que acontece entre os dias 5 e 8 deste mês no Píer Mauá, segue com imponência, trazendo ao Rio, pela primeira vez, as ultratops galerias Gladstone, Marian Goodman, Massimo de Carlo, Pace e Victoria Miro.

A obra de Yayoi Kusama, Love Is Forever That Shines In Heavenly World (2012) - Foto: divulgação/ Harper's Bazaar
A obra de Yayoi Kusama(David Zwirner), Love Is Forever That Shines In Heavenly World (2012) – Foto: divulgação/ Harper’s Bazaar

Nesta edição, a direção do evento adotou algumas mudanças, a começar pelo espaço de 20 mil m² contra os 17 mil m² de 2012. Outra novidade é a estreia de João Paulo Siqueira Lopes, ex-diretor de relacionamento da Fiac, a feira de arte de Paris, que, além de organizar a distribuição das galerias nos armazéns, criou o “private view room”, sala reservada para a negociação das obras mais valiosas. “A sala funcionará sob agendamento prévio para qualquer galeria que estiver participando da feira. A razão desta sala é deixar o colecionador à vontade para apreciar e negociar a obra de seu interesse”, diz Brenda Valansi, sócia-criadora da ArtRio.

Sem título, da série Boa Noite Cinderela (2013), de Nelson Leirner (Silvia Cintra) - Foto: divulgação/ Harper's Bazaar
Sem título, da série Boa Noite Cinderela (2013), de Nelson Leirner (Silvia Cintra) – Foto: divulgação/ Harper’s Bazaar

A feira será dividida em quatro segmentos. Além do principal, Panorama, que traz galerias nacionais e estrangeiras de arte moderna e contemporânea, o Vista será dedicado a galerias jovens, que vão desenvolver propostas especialmente para a feira. O Solo – de mostras individuais – terá curadoria de Julieta Gonzalez e Pablo León de La Barra, ambos baseados em Londres e com interesse de longa data em arte latino-americana. “Pablo e Julieta são responsáveis pela curadoria do Solo desde a primeira edição, fazem parte da história do projeto ArtRio desde o começo, têm muita sinergia com a feira”, comenta Brenda.

Awesome Meatloaf (2011) de John Chamberlain (Gagosian) - Foto: divulgação/Harper's Bazaar
Awesome Meatloaf (2011) de John Chamberlain (Gagosian) – Foto: divulgação/Harper’s Bazaar

Por fim, o Lupa, grande novidade desta edição, vai expor, numa área total de 1.350 m², obras de grande escala inéditas ou site specific, feitas especialmente para o local de exibição, com curadoria da iraniana Abaseh Mirvali, ex-diretora da prestigiosa Coleção Jumex, no México. São obras de 15 galerias, com a participação de 17 artistas, como Francis Alys (David Zwirner), Julio Le Parc (Nara Roesler) e Hélio Oiticica (A Gentil Carioca). Alys é o artista que persegue tornados, cujo vídeo embasbacou o público da Bienal de São Paulo em 2010. O argentino Le Parc, precursor da arte cinética na América Latina, ganhou retrospectiva este ano no Palais de Tokyo, em Paris, e vai ter uma ampla mostra, a partir de outubro, na Casa Daros, no Rio.

Central (2013) de Julio Villani da Mercedes Viegas - Foto: divulgaçào/ Harper's Bazaar
Central (2013) de Julio Villani da Mercedes Viegas – Foto: divulgaçào/ Harper’s Bazaar

No total, a feira reúne mais de 100 galerias, do Brasil e de 13 países. Estima-se que sete mil obras de arte estarão à venda, com valores que variam de R$ 5 mil a R$ 20 milhões. “A seleção das galerias participantes foi muito criteriosa e teremos, sem dúvida, muitas surpresas”, conta Brenda, destacando as obras de Calder que a nova-iorquina Pace Gallery traz para a feira. “São esculturas inéditas do artista, que nunca saíram da Fundação Calder e que vêm acompanhadas pelo neto do escultor, e presidente da fundação, Alexander Rower.”

Sand Castle (2011), de Adriana Varejão, no stand da londrina Victoria Miro - Foto: divulgação/ Harper's Bazaar
Sand Castle (2011), de Adriana Varejão, no stand da londrina Victoria Miro – Foto: divulgação/ Harper’s Bazaar

A os colecionadores, não faltarão opções. A também nova-iorquina Marian Goodman participa, como a Pace, pela primeira vez do evento e vai trazer obras valiosas, como A Sonnet I Never Wrote (2013), belo desenho do sul-africano William Kentridge, um dos maiores destaques da Documenta de Kassel passada. Já a Gagosian, pela segunda vez na feira, trará obras como a Awesomemeatloaf (2011), de John Chamberlain. O escultor americano, morto há dois anos, vem recebendo cada vez maior aclamação pública, como a monumental retrospectiva no Guggenheim de Nova York, ano passado, que reuniu um conjunto avassalador das esculturas de ferro retorcido que o tornaram célebre.

Apple Rio (2012), de Sarah Morris (White Cube) - Foto: divulgação/ Harper's Bazaar
Apple Rio (2012), de Sarah Morris (White Cube) – Foto: divulgação/ Harper’s Bazaar

Será também uma ótima oportunidade para comprar obras recentes de brasileiros consagrados, como a escultura Lâmina (2012), de Nuno Ramos (Anita Schwartz) – elegante peça de vidro e vidro soprado com vaselina dentro –, a colagem digital bem-humorada da série Boa Noite Cinderela (2013), de Nelson Leirner (Silvia Cintra), ou a pintura Sand Castle (2011), de Adriana Varejão (Victoria Miro), em que a artista simula, perfeitamente, cacos de louça e um castelo de areia sobre a tela utilizando apenas tinta e resina. “A ArtRio é uma feira ainda muito nova e, ao mesmo tempo, já é citada internacionalmente por galeristas e colecionadores junto a eventos consagrados, como a Art Basel e a Frieze. Isso nos dá segurança, pois é um indício de que o evento já apresenta padrões internacionais de qualidade”, comemora Brenda.

Arte Rio @ Pier Mauá
Avenida Rodrigues Alves, 10 Praça Mauá – Rio de Janeiro – RJ
De 05 a 08 de setembro