Foto: Getty Images

Nesta sexta-feira (19.03), Spike Lee está completando 63 anos. Importante personalidade do cinema e da cultura afro-americana, o diretor, roteirista e produtor se destaca por usar sua experiência para quebrar a maneira estereotipada como a população negra é retratada no cinema hollywoodiano.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

Por isso, os filmes de Spike Lee sempre se destacaram por trabalhar diferentemente de grandes produções e mostrar a complexidade dos guetos norte-americanos, não apenas com grupos negros, mas também dando protagonismo a latinos, orientais e outras minorias. Para comemorar seu aniversário, destacamos cinco produções com o diretor para maratonar neste fim de semana.

“Faça a Coisa Certa” (1989)

Foto: Reprodução/IMDb

A produção contra a história de um italiano, dono de uma pizzaria em uma zona problemática de Nova York, nos anos 1980, em que a maioria dos moradores são negros. Seu negócio consegue ter certo sucesso, até ele se envolver em discussões com alguns moradores do bairro e gerar um conflito inter-racial. O filme rendeu a primeira indicação ao Oscar de Spike Lee, na categoria “Melhor Roteiro”.

“Infiltrados na Klan” (2018)

Foto: Reprodução/IMDb

Inspirado no livro autobiográfico “Black Klansman”, de Ron Stallworth, “Infiltrados na Klan” é uma comédia dramática policial co-escrito e dirigido por Spike Lee. Estrelado por John David WashingtonAdam Driver, o filme acompanha a trajetória de um policial afro-americano que se infiltra na Ku Klux Klan para expô-la.

A produção foi um sucesso de bilheterias e crítica, recebendo seis nomeações ao Oscar, incluindo “Melhor Roteiro Adaptado”, pelo qual levou estatueta na edição de 2019.

“Malcolm X” (1992)

Foto: Reprodução/IMDb

Novamente responsável pela direção e produção, Spike Lee roteirizou este filme, ao lado de Arnold Perl, inspirado no livro “The Autobiography of Malcolm X”, contada pelo ativista negro para o escritor Alex Haley. Protagonizada por Denzel Washington, esta produção dramatiza os principais eventos da vida de Malcolm, contando a trajetória do ativista na luta por igualdade racial.

“Quatro Meninas” (1997)

Neste documentário, Spike Lee narra um dos piores crimes da história racial norte-americana. Durante o movimento dos direitos civis dos negros nos Estados Unidos, quatro meninas foram mortas em um ataque terrorista em que criminosos jogaram uma bomba em uma igreja no Alabama. O filme foi nomeado ao Oscar de “Melhor Documentário”.

“A Última Noite” (2002)

Foto: Reprodução/IMDb

Este filme acompanha o último dia de liberdade do traficante de drogas Montgomery Brogan (Edward Norton), que foi condenado a sete anos de prisão. Neste período, o personagem repensa sua trajetória e encontra, pela última vez antes do cárcere, seus amigos, familiares e namorada.