Nomes como Audrey Hepburn, Grace Kelly e Coco Chanel entram em todas as listas das maiores fashionistas de todos os tempos. Mas, além delas, muitas outras mulheres ditaram as tendências das épocas em que viveram e até chocaram a sociedade. Abaixo, nós apresentamos 10 ícones de que você, provavelmente, nem sequer ouvir falar.

Diane de Poitiers (1499-1566) - Foto: reprodução
Diane de Poitiers (1499-1566) – Foto: reprodução

Diane de Poitiers (1499-1566)
O que a tornou conhecida: Era amante do Rei Henrique II da França
Signature Style: Vestidos repletos de pérolas encrustadas e pulseiras de ouro
Por que amamos: Ela era duas décadas mais velha que o Rei e foi imortalizada em pinturas (geralmente, nus escandalosos para época) feitas por membros da escolar Fountainbleau.

Marquesa Luisa Casati (1881-1957) - Foto: reprodução
Marquesa Luisa Casati (1881-1957) – Foto: reprodução

Marquesa Luisa Casati (1881-1957)
O que a tornou conhecida: Ser uma excêntrica herdeira italiana
Signature Style: Delineador escuro, joias escuras, vestidos fluidos, e uma chita de estimação.
Por que amamos: Ela foi imortalizada por artistas como Giovanno Boldini e Man Ray e escandalizou a sociedade com seu comportamento nada convencional para época.

Madame de Pompadour (1721-1764) - Foto: reprodução
Madame de Pompadour (1721-1764) – Foto: reprodução

Madame de Pompadour (1721-1764)
O que a tornou conhecida: Era amante do Rei Luís XV da França
Signature Style: Peças confeccionadas no maior estilo rococó, cobertas de arcos e flores que faziam as roupas de Maria Antonieta parecerem sem graça.
Por que amamos: Ela é a patronesse de muitos artistas e filósofos, incluindo Voltaire, e exercia uma influência considerável sobre o Rei ( ela ajudou a negociar uma aliança entre a França e Áustria).

Sara Murphy (1883-1975) - Foto:reprodução
Sara Murphy (1883-1975) – Foto:reprodução

Sara Murphy (1883-1975)
O que a tornou conhecida: Foi uma expatriada rica que viveu no sul da França com sua família e fez amizade com grandes artistas e escritores da década de 1920.
Signature Style: Maiôs combinados com longos colares de pérola
Por que amamos: Picasso pintou um retrato dela com sua família inspirado nos personagens dos livros de Fitzgerald e Hemingway.

Condessa de Castiglione (1837-1899) - Foto: reprodução
Condessa de Castiglione (1837-1899) – Foto: reprodução

Condessa de Castiglione (1837-1899)
O que a tornou conhecida: Era amante do imperador Napoleão III da França
Signature Style: Crinolinas tão grandes que mal passavam por uma porta, além de gorros, e máscaras.
Por que amamos: Ela foi uma das primeiras pessoas a usar a fotografia como uma forma de arte e sentou-se para um retrato quando (surpresa!) revelou suas pernas nuas e braços.

Elisabeth da Áustria (1837-1898) - Foto: reprodução
Elisabeth da Áustria (1837-1898) – Foto: reprodução

Elisabeth da Áustria (1837-1898)
O que a tornou conhecida: Ser a Imperatriz da Áustria
Signature Style: espartilhos apertados, inúmeras camadas de anáguas e joias enfeitando seus cabelos.
Por que amamos: Ela passava horas arrumando seu cabelo a cada manhã (era deslumbrada com cascatas de broches de diamantes e era conhecida por envolver seu rabo de cavalo com pérolas) e ainda encontrou tempo para unir a Áustria e a Hungria.

Lady Agnew de Lochnaw (1865-1932) - Foto: reprodução
Lady Agnew de Lochnaw (1865-1932) – Foto: reprodução

Lady Agnew de Lochnaw (1865-1932)
O que a tornou conhecida: Foi esposa de um barão e personagem de um dos retratos mais famosos de John Singer Sargent.
Signature Style: Cabelo escuro puxado para trás em um coque, vestidos brancos e um olhar penetrante.
Por que amamos: Ela é a prova do poder da arte – este retrato ( juntamente com o orçamento de roupas considerável que recebeu de seu marido mais velho) lançou-a como uma das líderes da alta sociedade inglesa.

Misia Sert (1872-1950) - Foto: reprodução
Misia Sert (1872-1950) – Foto: reprodução

Misia Sert (1872-1950)
O que a tornou conhecida: Famosa pianista da sociedade parisiense que era próxima de Coco Chanel e de muitos outros artistas famosos.
Signature Style: Cabelos Gibson, vestidos de renda longos, grandes chapéus repletos de flores falsas.
Por que amamos: Ela foi nomeada como a “rainha de Paris” pelos tabloides.

Evelyn Nesbit (1884-1967) - Foto: reprodução
Evelyn Nesbit (1884-1967) – Foto: reprodução

Evelyn Nesbit (1884-1967)
O que a tornou conhecida: Modelo/atriz cujo marido assassinou seu ex-amante, o célebre arquiteto Sanford Branco
Signature Style: longas madeixas, corsets apertados, ombros sempre nus.
Por que amamos: Foi uma top antes de o termo existir.

Sonia Delaunay (1885-1979) - Foto:reprodução
Sonia Delaunay (1885-1979) – Foto:reprodução

Sonia Delaunay (1885-1979)
O que a tornou conhecida: Suas pinturas geométricas e coloridas em tecidos.
Signature Style: chapéus cloche hats, estampas arrojadas e lábios escuros.
Por que amamos:Ela foi a primeira artista mulher a ter uma retrospectiva no museu do Louvre.