O curador de arte e dono da galeria que leva seu nome, Thaddaeus Ropac, foi um dos primeiros a exibir as fotos controversas e underground de Robert Mapplethorpe no começo dos anos 80, e acabou se tornando amigo íntimo do fotografo cult.

Desde então, Ropac vem realizando algumas exposições em que convida outros artistas para selecionar os melhores trabalhos de Mapplethorpe de acordo com seu estilo. Nessas colaborações, já participaram Hedi Slimane e o artista plástico Robert Wilson, cada um demonstrando sua visão do trabalho do fotografo através de uma exposição.

Em sua mais recente parceria, o galerista convidou a diretora de cinema mais cool de todos os tempos, Sofia Coppola, para assumir a curadoria do trabalho de Mapplethorpe. O resultado são fotos raras, algumas nunca antes vistas, a maioria de paisagens ou retratos desconexos, que a diretora pesquisou e escolheu nos arquivos da fundação Robert Mapplethorpe em Nova York.

Para quem não conhece o trabalho de Mapplethorpe, saiba que estamos falando de um dos grandes fotógrafos da década de 80, tendo participado ativamente do movimento pop art, e clicado retratos históricos de pessoas como Andy Warhol, David Hockney, Mick Jagger e Patti Smith, com quem teve uma relação conturbada durante alguns anos, pois ambos eram bissexuais. Inclusive a orientação sexual do fotografo foi assunto tabu na época.

Assim, esta vem a ser mais uma exposição imperdível sobre o universo do cultuado fotografo e uma oportunidade de conhecer aspectos totalmente novos a respeito de seu trabalho. A expo Robert Mapplethorpe, Curated by Sofia Coppola abre suas portas hoje (24.11) na galeria Thaddaeus Ropac em Paris e vai até o dia 07 de janeiro de 2012. Em nossa galeria, algumas fotinhos. Só clicar