Trepante, Versão 1 (1965), obra de Lygia Clark incluída na expo - Foto: divulgação
Trepante, Versão 1 (1965), obra de Lygia Clark incluída na expo – Foto: divulgação

Com o objetivo de reinscrever a obra da artista nos discursos atuais sobre abstração, participação e práticas de arteterapia, a expo Lygia Clark: The Abandonment of Art, 1948–1988 – primeira grande retrospectiva de Clark nos EUA – abre neste sábado (10.05) no MoMA, com curadoria de Luis Pérez-Oramas e Connie Butler, do Hammer Museum.

A cineasta Daniela Thomas produziu um documentário sobre o processo de consagração da artista brasileira, que vai mostrar, em detalhes, a montagem da exposição. Visite até o dia 24 de agosto de 2014!