Dona Canô com os filhos Caetano Veloso e Maria Bethânia - Foto: Reprodução
Dona Canô com os filhos Caetano Veloso e Maria Bethânia – Foto: Reprodução


Morreu na manhã desta terça-feira (25.12) Dona Canô, aos 105 anos, a matriarca do clã Veloso, mãe de Caetano e Maria Bethânia. Ela faleceu em casa, na cidade de Santo Amaro da Purificação, na Bahia.

Dona Canô, que sempre aparecia em público vestida de branco, ficou internada por seis dias no Hospital São Rafael, em Salvador, e teve alta na última sexta-feira (21.12). Ela tinha sofrido uma isquemia cerebral, mas conseguiu se recuperar e voltou ao seu lar.

Dona Canô foi homenageada por Caetano Veloso com uma música que leva o seu nome, cantada por Daniela Mercury. O historiador Antônio Guerreiro de Freitas também publicou sua biografia, em 2009. Outro livro foi publicado por sua filha, com as principais receitas da mãe, chamado O Sal é o Dom – Receita de Mãe Canô. Além disso, seu nome está no teatro de Santo Amaro, por seu apoio à iniciativa cultural.

O velório está previso para acontecer ainda hoje, no Memorial Caetano Veloso, na cidade onde morava, a partir das 18h.