Busca Home Bazaar Brasil

Mulheres quenianas mostram sua arte em fotos de Tuca Reinés

O fotógrafo brasileiro apresenta série de retratos de mulheres habitantes da aldeia de Jerusalém, localizada na província de Laikipia

by Felipe Stoffa
Fotografia de Tuca Reinés - Foto: Divulgação

Fotografia de Tuca Reinés – Foto: Divulgação

Em abril, o fotógrafo brasileiro Tuca Reinés viajou para o Quênia e produziu uma série de retratos de mulheres habitantes da aldeia de Jerusalém, localizada na província de Laikipia.

A região congrega três principais etnias: Samuburu, Turkana e Borana. Cheias de adornos, as mulheres das tribos utilizam colares, pulseiras e guias produzidas artesanalmente por elas, tradição ancestral preservada pela tribo há mais de 4 séculos. Cada adereço representa uma fase da vida, além de peças que marcam momentos específicos como o nascimento, casamento e morte.

 SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

 

Fotografia de Tuca Reinés - Foto: Divulgação

Fotografia de Tuca Reinés – Foto: Divulgação

Essas peças são uma das principais fontes de expressão cultural da tribo, e também são produzidas, atualmente, como fonte de sustento para as aldeias, com o apoio da Fundação Zeitz, que originou o programa SATUBO.

Fotografia de Tuca Reinés - Foto: Divulgação

Fotografia de Tuca Reinés – Foto: Divulgação

Durante a viagem, Tuca clicou inúmeros retratos de suas habitantes, entre mulheres jovens até mais idosas. Grande nome da fotografia brasileira, ele agora apresenta o resultado de sua expedição em Mulher Satubo, mostra inédita na Galeria Estação, em São Paulo.

A mostra fica em cartaz até sábado. Todas as obras em exposição terão sua venda revertida para a construção de uma creche na sede da SATUBO, no Quênia.

Fotografia de Tuca Reinés - Foto: Divulgação

Fotografia de Tuca Reinés – Foto: Divulgação

Mulher Sabuto – Tuca Reinés
Galeria Estação
R. Ferreira de Araújo, 625 – Pinheiros, São Paulo
Até 1 de dezembro