Pinacoteca do Estado de São Paulo/Foto: Reprodução

A Pinacoteca do Estado de São Paulo e o Museu de Arte Moderna de São Paulo (MAM-SP) são os primeiros museus brasileiros a serem incluídos no Google Art Project, onde já figuram o MoMa (The Museum of Modern Art) de Nova York e a Tate Modern, de Londres.

Agora, ambos os museus poderão ser visitados virtualmente, com imagens 360 graus. O internauta pode navegar por meio de buscas por nome de artistas, país de origem, tipo de obra ou período histórico.

A tecnologia permite que o internauta conheça as peças exatamente no local onde elas estão expostas, com imagens em alta definição. Ao todo são 98 obras da Pinacoteca e 89 do MAM de arte contemporânea brasileira. No total, 10 museus da América Latina estão no projeto do Google.

Felipe Chiamovich, curador do MAM, escolheu o grafite painel dos osgemeos, que fica do lado externo do prédio, para apresentar no Google Art em altíssima resolução, de 7 bilhões de pixels.

Na Pinacoteca, a obra apresentada pelo sistema de Gigapixel foi Saudade, de Almeida Junior. Nas duas, é possível observar detalhes da obra, inclusive a textura da tela.

Com tecnologia igual a do Google Street View, o projeto começou com 17 museus europeus, em fevereiro de 2011. Hoje conta com 151 museus parceiros em 30 países, reunindo 30 mil obras de arte. Para acessar, é só clicar aqui!