Nesse domingo (27.05) aconteceu o jantar dos vencedores e encerramento do 65 Festival de Cinema de Cannes.

A Palma de Ouro ficou com o filme Amour, do diretor austríaco Michael Haneke. Esta é a segunda vez que ele leva o maior prêmio do festival, num intervalo de três anos.

No palco, o presidente do júri, o cineasta italiano Nanni Moretti, destacou a interpretação dos atores franceses, ambos octogenários — Jean-Louis Trintignant e Emmanuelle Riva — entre as razões da escolha de Haneke.

O único representante do Brasil na competição principal, Walter Salles saiu de Cannes sem prêmios por Na estrada e nem mesmo compareceu à cerimônia.

O drama Beyond the hills, do romeno Cristian Mungiu, por sua vez, foi o único filme a vencer em duas categorias. Ganhou o prêmio de roteiro e o de atriz, dividido entre Cosmina Stratan e Cristina Flutur.

Já o segundo troféu mais importante, atrás apenas da Palma de Ouro, o Grande Prêmio do Júri ficou com Reality, do italiano Matteo Garrone, mesmo diretor de Gomorra (2008).

Abaixo você confere a lista completa dos ganhadores e, na galeria, os looks que encerraram o festival francês

Palma de OuroAmour, de Michael Haneke

Diretor – Carlos Reygadas (Post Tenebras Lux)

Atriz – Cosmina Stratan e Cristina Flutur (Beyond the hills)

Ator – Mads Milkkensen (The hunt)

RoteiroBeyond the hills, de Cristian Mungiu

Prêmio do Júri The angels’ share, de Ken Loach

Grand-Pix (Grande Prêmio do Júri)Reality, de Matteo Garrone

Caméra D’Or: Beasts of the Southern Wild, de BenhZeitlin

Curta-metragem: Silence (“Sessiz-Be Deng”), de L. Rezan Yesilbas