Foto: Getty Images

Nesta quarta-feira (08.04), Patricia Arquette está completando 52 anos. A atriz iniciou sua carreira no filme “A Hora do Pesadelo – Os Guerreiros dos Sonhos”, em 1987, e trabalhou em outras produções notáveis, incluindo a série “Medium”. Patricia interpretou a personagem Allison DuBois durante sete temporadas – período no qual recebeu três indicações ao Globo de Ouro -, que tinha sonhos e visões com pessoas mortas e passa a usar isso para solucionar crimes.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

Para comemorar o aniversário de Patricia Arquette, relembre outras três produções imperdíveis da atriz:

“The Act” (2019)

Inspirada em fatos reais, a minissérie de dez episódios conta a história de Gypsy Blanchard (Joey King), uma jovem que acredita ter diversas doenças e vive em uma cadeira de rodas, até descobrir que está sendo vítima de mentiras criadas por uma mãe superprotetora. Na produção, Patricia interpreta Dee Dee Blanchard, que foi acusada de maquinar doenças e deficiências para controlar sua filha e, no decorrer do caso, foi diagnosticada com síndrome de Münchhausen por procuração.

Apesar de ser extremamente fácil encontrar o desfecho deste caso – altamente coberto pela imprensa norte-americana até os dias de hoje -, a história te prende durante todos os episódios. As atuações impecáveis de Patricia e Joey são hipnotizantes e lhe renderam nomeações ao Emmy e a estatueta do Globo de Ouro para Arquette.

“Boyhood – Da Infância à Juventude” (2014)

Antes mesmo de ser lançado, “Boyhood” se destacou por ser uma das produções a demorar mais tempo para ser gravada. A obra levou 12 anos para ser concluída e conta a história de um casal divorciado que tenta criar seu filho. O filme acompanha a vida dessa criança desde sua entrada na escola, aos 6 anos, até a faculdade, aos 18 anos, e como seu relacionamento com os pais vai mudando ao longo do caminho.

Patricia Arquette interpreta Olivia Evans, a mãe de Mason (Ellar Coltrane), o personagem principal. O filme foi indicado a seis estatuetas do Oscar – incluindo Melhor Filme e Melhor Direção -, mas apenas Patricia levou um prêmio para casa, da categoria Melhor Atriz Coadjuvante.

“Escape at Dannemora” (2018)

Esta minissérie dirigida por Ben Stiller foi inspirada em uma fuga massiva que ocorreu na prisão Clinton Correctional Facility, em Nova York. A produção acompanha a perseguição a dois assassinos condenados, que foram auxiliados por uma funcionária, Joyce “Tilly” Mitchell (Patricia), que estava envolvida sexualmente com os criminosos.

A produção foi bem aclamada pela crítica e Patricia Arquette ganhou o Globo de Ouro na categoria “Melhor atuação em minissérie ou filme para televisão”, derrotando nomes como Amy AdamsLaura DernRegina King