A "Enchanting Tree" do artista Cássio Vasconcellos - Foto: divulgação
A “Enchanting Tree” do artista Cássio Vasconcellos – Foto: divulgação

Foi com uma imensa árvore de metal dourado, decorada com taças de champagne em seus galhos, a Enchanting Tree, que a maison francesa Perrier-Jouët recebeu o público durante a SP-Arte 2015. A instalação, assinada pelo artista holandês Tord Boontje, fez uma apologia à vida e à natureza, traduzindo em forma de arte a essência da marca.

O projeto Perrier-Jouët na SP-Arte convidou o artista Cássio Vasconcellos para interpretar a instalação. O fotógrafo, que vive um momento inspirado pelos pintores europeus, principalmente os franceses, que vieram retratar o Brasil no início do século XIX, entre eles Jean-Baptiste Debret, Hercules Florence, Clarac, Taunay e Martius, remeteu a imagem às obras de duzentos anos atrás, uma fotografia assumidamente pictórica. A Enchanting Tree foi colocada como se estivesse em uma floresta virgem brasileira, no meio do paraíso tropical, com toda a sua exuberância e beleza.

Durante a feira a maison convidou alguns formadores de opinião para fazerem uma interpretação da obra em suas redes sociais, e os presenteará – junto a outras personalidades importantes – com um dos 30 exemplares numerados e com certificado de autenticidade assinado pelo fotógrafo, que é e fundador da Fotospot. Alex Atala, Luciano Huck, Marie Caroline Valentin, Fernanda Feitosa, Chalô Whately, Sonia Racy e Bia Yunes foram alguns dos nomes que estão nessa seleta lista. How cool!