“Pina”: doc é um espetáculo que enaltece a história de Pina Bausch

Fashion filme da semana é dirigido por Wim Wenders

by Beatriz Poletto
Foto: Reprodução/IMDb

Foto: Reprodução/IMDb

Moda é comportamento, arte, música e tantas outras  formas de expressões. O que entendemos pelo segmento é vasto, porém preciso. O bom fashionista consegue capturar os momentos em que a moda se constrói. Intenso, dramático e emocionante, o documentário “Pina”, de 2011, é dirigido por Wim Wenders e enaltece a história da dançarina alemã Pina Bausch. Também categorizado como musical, o doc é o fashion filme da semana, que é repleto de sentimentos.

“O que é a dança?”, indaga o diretor ao longo da obra. Dança é técnica, é expressão, mas também é vida, amor, alegria, solidão e força. O tributo mostra os dançarinos de Pina dando vida a suas maiores e mais impactantes criações.

Fã de Pina Bausch, Wim Wenders buscou mostrar ao público o trabalho brilhante de Pina. Ao invés de uma biografia, o diretor escolheu captar a verdadeira essência das coreografias criadas pela dançarina, com cenas que esbanjam emoção. Além dos movimentos corporais, as expressões faciais são evidenciadas. Ao contrário do teatro, que vemos o resultado como um todo – o que é magnífico -, podemos entender quase de forma literal o que a coreografia quer passar, graças as cenas com enquadramentos em foco.

É interessante também perceber como os elementos compõe não só a cena, como a coreografia. A chuva, a terra, o ar. Eles são os toque final que representam e incorporam a força da dança. Como dizia Pina: “dance, dance… se não, estaremos perdidos”.

Com o figurino por Rolf Börzik e Marion Cito, as peças são casuais, mas elegantes. A cor que está presente e marca o longa-metragem é o vermelho, que evoca os mais variados sentimentos. Os vestidos fluídos são as peças que mais aparecem na obra, já que, conforme o movimento, o tecido dança junto com os profissionais.

Para os amantes da dança e, claro, das emoções, o documentário é um must-see.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

Foto: Reprodução/IMDb

Foto: Reprodução/IMDb

Foto: Reprodução/IMDb

Foto: Reprodução/IMDb

Foto: Reprodução/IMDb

Foto: Reprodução/IMDb

Foto: Reprodução/IMDb

Foto: Reprodução/IMDb

Leia mais:
Paula Raia inaugura a exposição “Terrosidades” 
Sete exposições sobre moda para visitar em Nova York
Exposições com temática ambiental ganham espaço na Praça Adolpho Bloch
Inês Schertel exibe mostra de design feita com lã
Mulheres que Inspiram: Oprah é a eterna ativista dos direitos humanos 
Karl Lagerfeld: relembre 10 momentos do gigante da moda
Giovanna Ewbank: “Culpa é todo dia, principalmente por não ter mais