Temporada de dança do Teatro Alfa começa em agosto

São cinco atrações de altíssima qualidade na programação, que traça um painel representativo e contemporâneo da dança internacional e nacional

by Ligia Kas
Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

16ª Temporada de Dança do Teatro Alfa apresenta, a partir de agosto, cinco companhias, três nacionais e duas internacionais representantes de destaque do que de mais expressivo se produz na dança contemporânea. São cinco atrações de altíssima qualidade na programação, que traça um painel representativo e contemporâneo da dança internacional e nacional: Grupo Corpo (8 a 11 e 14 a 18 de agosto), Ballet Jazz de Montreal (30 de agosto a 1º de setembro), Quasar Cia de Dança (14 e 15 de setembro), Sankai Juku (28 e 29 de setembro) e Deborah Colker (23 a 29 de outubro).

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM 

Três companhias apresentam trabalhos cuja inspiração no processo de criação é a música: Grupo Corpo, Les Ballets Jazz de Montréal e Quasar Cia de Dança. Tradição nas temporadas da casa, uma das maiores companhias brasileiras de dança que circula pelo Brasil e o mundo com cerca de 70 apresentações anuais, o Grupo Corpo abre o evento com a estreia de GIL– antigo sonho da companhia, criar um espetáculo a partir de trilha especialmente composta por Gilberto Gil.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

O Les Ballets Jazz de Montréal apresentará Dance Me, com coreografias de Andonis Foniadakis, Annabelle Lopez Ochoa e Ihsan Rustem, e trilha sonora com músicas do cultuado poeta e compositor canadense Leonard Cohen (falecido em 2016). A brasileira Quasar Cia. de Dança apresenta O Que Ainda Guardo, em que icônicas composições da bossa nova inspiraram o trabalho do coreógrafo Henrique Rodovalho.

Outro destaque da programação é o novíssimo trabalho ARC – Chemin de Jour (a estreia mundial foi em Paris, no final de abril, no  Teatro des Champs Élysées), da Sankai Juku, uma das pioneiras manifestações da dança butô, que até hoje é reconhecida internacionalmente como referência da dança contemporânea japonesa. No Alfa eles farão a estreia para as Américas.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Fechando o evento, a Companhia de Dança Deborah Colker comemora seus 25 anos com a remontagem de Rota, um dos grandes marcos de sua trajetória. Já estão disponíveis no site no site do Teatro Alfa as vendas das assinaturas que dão direito a assistir a todos os espetáculos.

Veja programação completa

Leia mais:
Cinco figurinos criados por Giorgio Armani para o cinema
Novo romance da autora de “Big Little Lies” vira série com Nicole Kidman
Sobrinho de Michael Jackson grava clipe no Vidigal