Por Karen Couto

Foto: Anggara Mahendra
Foto: Anggara Mahendra

Janet é uma dessas mulheres ‘multitask‘, que organizam milhōes de coisas ao mesmo tempo, conduz equipes como se estivesse regendo uma sinfonia – sem abrir mão de um estilo impecável e da sua expressão fresca de menina.
Essa escritora possui dois livros de cozinha publicados, administra e é proprietária de quatro locais, é uma supermãe e organiza dois grandes festivais por ano em Bali, Indonésia – Ubud Food Festival (4. edição esse ano) e Writers and Readers Festival que está na sua 14. edição com a presença de mais de 150 artistas (autores, pensadores, artistas, etc.) em mais de 240 eventos pela cidade que aportaram por volta de 1 milhão de dólares australianos para a cidade.

O evento desse ano prometia ser um fiasco por conta das possíveis erupçōes do vulcão Agung, evacuaçōes e centenas de vôos cancelados. Mas quem disse que essa australiana com alma indonesiana ia desistir? A sua fé é maior que ela e combina com o espírito desse lugar fascinante e forte, especialmente energeticamente falando.

Foto: Anggara Mahendra
Foto: Anggara Mahendra

O público me impressionou e os assuntos também: platéia interessada, engajada, bem informada e, o melhor de tudo, eclética (segundo dados o festival reúne pessoas de 30 culturas diferentes), apesar de ser dominada pelos vizinhos australianos. Sustentabilidade, viagens, crítica e críticos, culinária, diversidade, etc.

Mediadores muito bem preparados – destaque para o inteligente e picante fotógrafo e também autor Tom Owen Edmunds, a divertida jornalista Brigid Delaney (escritora de três livros), Rosemarie Milsom, dentre outros. Sem mencionar as seçōes de entrevistas com grandes autores como a best seller chinesa Jung Chang (‘wild swans’, ‘Mao’ e ‘Cixi’), o engajado sobre o tema aquecimento global e outros, autor de trinta livros Tim Flannery, a linda escritora gastronômica e sommelier Sam Rice, a inglesa especializada em gastronomia chinesa Fuchsia Dunlop (autora de cinco (!) livros fantásticos sobre o tema), a best seller australiana Kate Holden, o amante e profundo conhecedor e admirador da Indonésia, autor de quatro livros sobre as ilhas – Ian Burnet, a comediante indonesiana e ativista muçulmana Sakdiyah Ma’ruf e ainda dois brasileiros apoiados pelo Ministro das Relaçōes Exteriores do Brasil – Victor Heringer e Veronica Stigger.

Foto: Anggara Mahendra
Foto: Anggara Mahendra

Qual o seu segredo?
Amar a vida e trocar energia com as pessoas.Apesar da resposta ter sida direta e profundamais, o meu apetite por detalhes me fez insistir:

O que mais, conta, vai..
Alimentação sem exageros e de qualidade, práticas de exercícios físicos e yoga e, claro meditação! (parecia um jabá para o meu livro “Você Pode Ser Mais Feliz Comendo, desculpem, não resisti).

Qual o maior desafio em um festival dessa grandeza? (pergunto isso porque ela está omnipresente, acompanhando de perto e alimentando o instagram e outras mídias, sempre muito bem vestida com a tradicional roupa balinesa – kebaya)
Paixão, equipe alinhada e competente, logística funcional e uma ótima comunicação – especialmente visual* (Janet veio do mundo das artes e do design e escolhe os artistas a dedo para a missão). E, como é óbvio, patrocinadores que acreditem e efetivamente apóiem.
* O artista que criou o cartaz e a “linha vizual” desse ano foi Kuncir Satva

Qual paixão veio primeiro, a culinária ou a escrita?
A culinária…Desde os tempos em que eu admirava e apreciava os dotes da minha vó em Malta.

E já que o tema é paixão, você se apaixonou primeiro pelo seu marido indonesiano ou por Bali em si?
Bali e em seguida por ele. Minha cunhada me ensinou a cultura, em especial a culinária balinesa nos mínimos detalhes. Meus filhos frequentam todas as cerimônias (não são poucas). Um estilo de vida familiar naturalmente tropical. Como não se apaixonar?