Instalação Kauyo Sejima - Foto: Divulgação
Instalação Kauyo Sejima – Foto: Divulgação

A “cidade flutuante” inaugurou a 16ª Biennale Architettura, exposição internacional que atrai os fãs de arquitetura até 25 de novembro. Sob o tema Freespace, instalações e exibições tomam conta do complexo de pavilhões do Giardini e do Arsenale e se espalham por outros pontos locais.

Intalação de Paulo Mendes da Rocha - Foto: Divulgação
Instalação Paulo Mendes da Rocha – Foto: Divulgação

Grandes nomes da arquitetura de 63 países, como Paulo Mendes da Rocha e VTN Architects, estão representados. Bazaar reúne todas as dicas para quem pretende visitar a cidade. Aproveite!

Instalação VTN Architects - Foto: Divulgação
Instalação VTN Architects – Foto: Divulgação

Onde dormir

Piscina do Hotel Cipriani, em Veneza - Foto: Divulgação
Piscina do Hotel Cipriani, em Veneza – Foto: Divulgação

O Belmond Hotel Cipriani  e o Palladio Hotel & Spa  são a pedida para ficar longe do burburinho. Situados na ilha de Giudecca, oferecem shuttle de barco para a Piazza San Marco. O Cipriani é dos poucos hotéis que possuem piscina. Se você prefere se hospedar no coração de Veneza, o Baglioni Hotel Luna  será perfeito. Clássico, confortável e a poucos passos do circuito de compras formado pela Calle Larga XXII, a Calle Vallaresso e a Goldoni. Se perdeu? Vale a pena explorar as ruelas, lojinhas, galerias e se orientar seguindo as placas nos muros.

Onde Comer

Fondaco Tedeshi - Foto Divulgação
Fondaco Tedeshi, em Veneza – Foto Divulgação

Se estiver pelas ruas, os sanduíches italianos tramezzini, vendidos nos bares e cafés, são ótimos, assim como os sorvetes artesanais. A sorveteria Venchi é uma das melhores! Harry’s Bar, apesar de super manjado, é lendário e tem pratos muito bem servidos e deliciosos (reserve uma mesa no andar de baixo). Imperdível, Osteria da Fiore (uma estrela Michelin) é elegante e romântico. Ristorante da Ivo, pequeno e mais informal, também tem cozinha maravilhosa – peça as especialidades do dia. Para almoço, um dos mais populares é a Trattoria Alla Madonna, em Rialto, onde você pode escolher na hora, em um balcão, o que há de mais fresco de peixes e frutos do mar.

Hotel Cipriani, em Veneza Foto: Divulgação
Vista do Hotel Cipriani, em Veneza Foto: Divulgação

Passeios

Para ter uma vista linda da cidade sem enfrentar grandes filas, vá ao Campanile di San Giorgio – você pega um barco em frente à Piazza San Marco. Outro lugar top para um visual é a loja de departamento Fondaco dei Tedeschi, que acolhe todas as principais marcas italianas e internacionais. No último andar, o terraço panorâmico surpreende. Estando na região, o famoso mercado de Rialto (de comida) é um ótimo passeio. Arte? Vale ficar sempre de olho nas exposições contemporâneas no Palazzo Grassi e na Punta della Dogana, ambos exibem a arte da extensa coleção de seu proprietário, François-Henri Pinault. Na Scuola di San Rocco estão pinturas incríveis de Tintoretto – revestindo o teto e as paredes. E é sempre incrível ver e rever o acervo do Museo Peggy Guggenheim.

Fondaco Tedeshi - Foto Divulgação
Fondaco Tedeshi, em Veneza – Foto Divulgação
Gaggiandre, Veneza - Foto: Divulgação
Gaggiandre, em Veneza – Foto: Divulgação