Truta defumada servida na viagem de trem Orient Express – Foto: Reprodução/Harper’s Bazaar

Carolina Overmeer acompanha a chef Helena Rizzo, do Maní, em uma aventura gastronômica pelo Peru. Ela conta sua experiência na edição de agosto da Harper’s Bazaar. Confira alguns trechos da reportagem:

Em Cuzco nos esbaldamos com os deliciosos ceviches e os tiraditos de tru­ta, as famosas causas (preparadas com papas amarillas), os camotes (batata-do­ce alaranjada), as carnes de alpaca e de cuy (porquinho-da-índia), que são pra­tos típicos da cozinha contemporânea peruana. Anote: o El Limo, na Praça das Armas, e o MAP, no Museu de Ar­te Pré-Colombiana, são os restaurantes mais recomendados.

Vegetais em Mercado peruano – Foto: Reprodução/Harper’s Bazaar

Em Lima, fomos aos restaurantes Astrid y Gaston e Malabar, ambos presentes na lista San Pellegrino dos melhores restau­rantes do mundo, respectivamente em 35° e 62° lugares. O Maní, de Helena, ocupa a 51ª posição no ranking. No As­trid y Gaston o que mais me chamou a atenção foi o menu bem-humorado. O cuy, por exemplo, é explicado assim: Cuy Pekines – Cansado de ser rechazado por el mundo, el cuy decide disfrazarse de pato pekinés, vestirse de rocoto e crepes de chicha. Y todo el mundo lo aplaudió.

Entrada de peixe do restaurante Malabar - Foto: Reprodução/Harper's Bazaar

Já no restaurante Malabar, do chef Pedro Miguel Schiaffino, o ponto alto do menu foi o peixe tie dye que come­mos de entrada (na imagem acima). O chef utilizou uma semente amazônica usada para tingir tecido, coloriu o peixe branco com tons de rosa e fez um prato lindo, com sabor que lembrava o ceviche, geladi­nho, ácido, picante e aromático.

Helena, assim como eu, nunca tinha ido ao Peru e estava ansiosa para conhe­cer os sabores exóticos do país. Indagada sobre suas impressões da viagem, ela conclui que adorou a quantidade de no­vos ingredientes que descobriu. “Gostei muito do milho branco, de grão enorme, da erva huacatay, utilizada em toda a culinária peruana, e da lucuma, uma fruta extremamente nutritiva e rica em amido.”

Assine a Harper’s Bazaar