Carolina Ferraz apresenta projeto artístico no Youtube com Max Weber e Johnny Luxo
Foto: Adriano Damas

Apresentadora, atriz, produtora, cozinheira e youtuber. Carolina Ferraz não para – e deixa sua criatividade fluir independente da plataforma para a qual cria. Mas, em um de seus projetos, a artista empresta seu espaço e imagem para a criação de pessoas com quem trabalha há tantos anos: beauty artists.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

Chamado “Beleza Sem Roteiro”, o quadro do canal do Youtube de Carolina homenageia maquiadores e lhes dá oportunidade de criarem com total liberdade. No novo episódio, o convidado é Max Weber, maquiador nascido na Paraíba e que já atua no mercado há mais de dez anos, cuidando da beleza de diversas celebridades, incluindo Isabeli FontanaLuiza BrunetJuliana Paes. O projeto também conta com a participação de Johnny Luxo, fotografia e vídeo por Adriano Damas e figurino por Gabi Comis.

Carolina Ferraz apresenta projeto artístico no Youtube com Max Weber e Johnny Luxo
Foto: Adriano Damas

“Adorei o convite para participar desse quadro com a Carolina. Sempre assumimos o papel de criar dentro dos desejos dos estilistas, clientes e stylists, então essa proposta é incrível. Quando temos total liberdade, também temos total responsabilidade do resultado e acho que desenvolvemos imagens maravilhosas”, conta Max, que criou seu projeto com o tema “Espelhos”, que busca refletir aquilo que somos e o que mostramos ao mundo.

Em entrevista à Bazaar (com participação especial de Johnny Luxo), Carolina Ferraz conta mais detalhes sobre o projeto e como se desdobra em vários funções. Leia na íntegra abaixo:

Carolina Ferraz apresenta projeto artístico no Youtube com Max Weber e Johnny Luxo
Foto: Adriano Damas

Como surgiu a ideia para o projeto?
Carolina Ferraz:
Na verdade, esse projeto surgiu da vontade que tenho de homenagear esses profissionais que transformam completamente a vida de um artista e fazem uma diferença tão grande e que não tem um trabalho só pensando neles. Porque o make up artist está a serviço de um cliente sempre, tem que dar satisfação, com um conceito que trouxeram para ele. Nesse caso, não. Ele é o criador, determina o que quer fazer e eu sou só o veículo que vai transformar aquilo em uma realidade. Então, junto os profissionais, contrato estúdio, faço o que for necessário dentro do projeto de cada maquiador para realizar isso. Do Max foi maravilhoso, porque consegui juntar duas coisas. Sempre quis muito fazer alguma coisa com o Johnny, somos muito amigos, sempre ficamos combinado fazer algo e nunca deu certo. Conversando com o Max, decidimos fazer convidar o Johnny e ficou lindo. Sempre chamamos profissionais incríveis, então juntamos uma galera que entende do assunto e que se predispõe para estar ali para homenagear o maquiador. O projeto e a ideia são do Max, isso é importante ser ressaltado.

Como você se sente em ser uma tela em branco?
Carolina:
A proposta foi minha, então me sinto maravilhosa. Acho muito legal ver um artista pirar e criar alguma coisa. Poder ser o veículo que proporciona essa liberdade, poder devolver um pouco o que essas pessoas fizeram por mim ao longo dos anos. Já fiz tantas capas com o Max, ele já me deixou tão linda de tantas formas. Não fico nem preocupada, o que o artista quiser fazer, eu faço.

Carolina Ferraz apresenta projeto artístico no Youtube com Max Weber e Johnny Luxo
Foto: Adriano Damas

O quanto você opina na idealização do projeto?
Carolina:
Todos eles me mostram, falam “Carolina, estou pensando nisso, gostaria de fazer isso, o que você acha?”. Mas eu, honestamente, tento opinar o mínimo possível. Como são todos profissionais muito bacanas, graças a Deus, até hoje ninguém pensou em alguma coisa que eu pensasse “vai ser difícil”. Acho que mesmo se isso acontecesse, como o objetivo é outro, não haveria problema. Até agora estou muito feliz com o resultado, a primeira pessoa que fez foi a Débora Bitencourt, que é minha maquiadora que trabalha comigo há muitos anos.

Quais profissionais vão participar do quadro?
Carolina:
Já temos algumas pessoas que foram convidadas e que já aceitaram, como o Cabral e a Fabi Gomes. Mas quero fazer com muitas pessoas, é que esse quadro é feito a cada dois meses, então são cinco por ano, ainda temos tempo.

Carolina Ferraz apresenta projeto artístico no Youtube com Max Weber e Johnny Luxo
Foto: Adriano Damas

Aconteceu alguma situação marcante durante a gravação do projeto?
Carolina: Fizemos três looks muito elaborados, com muitas perucas e muito cabelo. Cada maquiador vai muito na sua onda, então entre uma montagem e outra, passamos um tempo no camarim dando muita risada, nos divertimos muito trabalhando.
Johnny: Teve a situação do patins, também.
Carolina: Verdade! Colocamos patins para fazer uma das fotos, em que somos dançarinas patinadoras. Só que eu não sei andar de patins e o Johnny anda muito bem. Então ele me segurou o tempo todo para eu não desabar.
Johnny: A gente se desequilibrava em alguns momentos, porque ficava um apoiando o outro…
Carolina: Mas eu te atrapalhava, às vezes, acho que estava atrapalhando. Ele andava muito bem, deu voltas, rodopiou.

Como foi participar do projeto?
Johnny: Foi ótimo, porque já conversávamos faz um tempo de fazer alguma coisa junto, imagens e tudo mais. E daí acabou rolando desta vez, com o Max. Foi incrível chegarmos em um conceito, desenhamos uma história, com o Max, fomos montando junto.
Carolina: Foi algo feito em conjunto. Eu não interferi muito, eles ficaram mais com a parte criativa.
Johnny: Sim, eu e o Max íamos fazendo e eu falava “Carol, você gosta disso?”, daí fomos chegando no resultado final.
Carolina: O objetivo é fazer com que as pessoas que foram convidadas desenvolvam a fantasia delas da maneira como elas acharem melhor.
Johnny: Ficamos umas três semanas conversando e idealizando o projeto.

O que acharam do resultado final?
Johnny:
Eu amei.
Carolina: Estamos loucos para ir ao ar, para podermos postar as fotos. Ficaram muito bacanas, achei que tem algo poético até. Estou muito feliz.
Johnny: E conseguimos deixar a Carol de um jeito diferente do que estamos acostumados a ver ela e era justamente isso o que queríamos.

Como é sua relação com a beleza?
Carolina: Gosto muito de me cuidar, de fazer skincare, cuido muito da minha pele, diria que sou uma grande consumidora de maquiagem. Sei me maquiar, mas faço isso muito pouco. Acho que como já trabalho maquiada o tempo todo, quando não estou trabalhando estou de cara limpa, pele lavada. Gosto de estar sempre com a pele mais fresca, podendo respirar. Porque grande parte do tempo, estou de fato, maquiada.

Como gosta de se expressar pela beleza?
Carolina:
Sou a louca do rímel, acho que faz uma coisa muito boa por todas nós. Também sou fã do batom vermelho, acho que é um clássico, realmente embeleza, deixa qualquer mulher mais bonita, deixa nossa boca mais sensual. Uso muito no trabalho, não tanto para uma festa ou um jantar.

Carolina Ferraz apresenta projeto artístico no Youtube com Max Weber e Johnny Luxo
Foto: Adriano Damas

Como você concilia tantas funções, como ser apresentadora, atriz, youtuber?
Carolina: Tento ter foco. Por exemplo, hoje estou em um trabalho, acabei propondo outra história para o Johnny… Estou muito cansada do que tenho feito, sou aquariana, volta e meia quero dar uma inventada, dar uma mudada. Descobri que funciono melhor em grupo, sou muito melhor no coletivo, gosto de criar com pessoas, trabalhar em colaboração com o outro. Funciono melhor, sei que as coisas produzidas ficam ainda mais bonitas. Quero produzir uma série de novos conteúdos que tenham um pouco mais de humor, uma pegada diferente, então chamei o Johnny para fazer algumas experiências. Quando vim para cá hoje, tenho o hoje. Temos dez vídeos para fazer, entrei aqui e desliguei tudo, falei “preciso funcionar, preciso resolver, tenho esse tempo para dar essa entrevista, esse tempo para comer”. Sou muito focada mesmo. É a única maneira, porque é uma cabeça caótica, que administra muitas coisas ao mesmo tempo, e muito criativa, já que trabalho com pessoas muito criativas. Minha equipe é muito bacana, a pessoa mais velha da minha equipe, que é minha filha, tem 26 anos. Então é uma galera muito nova. E eles falam que ficam impressionados em como sou ágil, quanto tenho energia. Eu tenho mesmo e canalizo muito para o trabalho. Também sou ótima para fazer nada. Nos dias em que estou em casa e que posso não fazer nada, nossa, sou capaz de passar o dia no sofá lendo, vendo um filme, gosto de cozinhar para mim mesma, é algo que me relaxa muito. Tento estabelecer um equilíbrio para que eu consiga ser funcional. Porque sei que preciso muito da minha lucidez e da minha perspicácia, então quando sinto que estou saindo do prumo, eu mesma falo “calma Carolina, fica calma, porque você pode perder tudo, mas não pode perder a cabeça”. Tento reclamar o mínimo possível, se estou em uma situação de trabalho em que sei que ela vai durar 12 horas, nem sempre todas as circunstâncias são favoráveis, por exemplo, se estou em um ambiente frio com uma blusa de alcinha, tá tudo bem, eu respiro fundo. Mas eu sou muito feliz no trabalho. Amo trabalhar, sou uma pessoa que me encontro muito no trabalho, ganho muitas coisas através dele, minhas relações, meus amigos, os lugares que conheci, os projetos que realizo, as coisas que posso me proporcionar artisticamente, então para mim não é um sacrifício. Mas preciso estabelecer ordem e método, me vigio.

Tem alguma função que você ainda não executou, mas que sonha em realizar?
Carolina:
Talvez escrever. Mas, por exemplo, todo mundo fala que eu poderia trabalhar com direção. Não quero dirigir nunca. Posso um dia dirigir o set, vem um amigo meu diretor, ele me conta a situação, eu leio o roteiro e monto o set inteiro para ele, para ele só chegar, falar “ação” e dirigir. Mas não tenho vontade nenhuma de ser diretora, ao contrário, gosto que me dirijam. Talvez escrever. Mas só talvez, não é uma vontade ou necessidade.