Iris Apfel: sete ensinamentos icônicos da fashionista para aprender já!

Americana completa 98 anos nesta quinta-feira

by Beatriz Poletto
Foto: Reprodução/IMDb

Foto: Reprodução/IMDb

Divertida, fashionista, única e lenda viva: Iris Apfel completa 98 anos nesta quinta-feira (29.08), e a Bazaar traz sete ensinamentos da americana para guardar para sempre!

No documentário “Iris”, de 2015, a fashionista conta como se tornou quem é hoje e esbanja sabedoria com suas falas. De maneira leve, e sem se levar a sério, Iris Apfel de fato soube aproveitar cada momento de sua história.

Como designer de interiores, Iris viajou o mundo para construir os melhores ambientes para seus clientes. E o interesse pela moda veio com a vida, por meio do seu contato com o design e por brechós por aí.

E a fashionista também é escritora: assina os livros “Iria Apfel: Accidental Icon” (2018), “Rare Bird of Fashion” (2007), “Dragon Threads”(1992) e “Zandra Rhodes: 50 Fabulous Years in Fashion” (2019).

Veja a seguir:

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

Foto: Divulgação/WWD

Foto: Divulgação/WWD

Mais é mais: quanto mais acessórios, contraste de cores, camadas e estampas, melhor! Iris não acredita no estilo minimalista. A fashionista usa e abusa das peças que colecionou ao redor do mundo e tem seu status de fashionista graças ao seu estilo único.

Não se leve a sério: em tempos de selfies, redes sociais e perfeição no universo fashion – que está cada vez mais fadado ao brega -, Iris preza a espontaneidade.

Não tenha medo de ousar: ser criativo e original é o lema da vida de Iris Apfel.

Aceite quem você é: em seu documentário, Iris afirma que sempre se sentiu feia. E o único jeito de se destacar era se produzindo do seu jeito único. E não importa sua idade. Utilize da sua sabedoria para ser cada vez mais original.

Gentileza: Iris é extremamente educada. Em um universo cheio de ego, Iris mostra que a elegância está na bondade e na gentileza.

Se divirta com a moda: “a vida é muito séria e difícil, pelo menos com a moda podemos nos divertir”, diz a fashionista em seu documentário.

Qualidade: não importa se é de marca ou não, mas sim a qualidade e a história da peça. Saiba reconhecer o valor de um acessório ou de uma roupa, por sua forma, corte e acabamento.

Foto: reprodução/Instagram/@irisapfel

Iris e sua Barbie – Foto: reprodução/Instagram/@irisapfel

Leia mais:
Iris Apfel: exposição promete tour pelo guarda-roupa da fashionista
“Iris”: o fashion filme da semana é sobre ser incrível em qualquer idade
Sete vovós fashionistas que você precisa seguir no Instagram