Foto: GettyImages
Foto: GettyImages

A cantora e atriz Janelle Monáe, resolveu abrir a sua intimidade em entrevista à revista Rolling Stone, publicada nesta quinta-feira (26.04). Na reportagem, a artista assumiu que é bissexual e revelou que já teve relacionamentos tanto com homens quanto com mulheres.

Apesar dos rumores que rondam a vida pessoal da cantora, esta é a primeira vez que ela fala sobre sua vida sexual. “Estou aberta para aprender mais sobre quem eu sou”, afirmou.

Foto: GettyImages
Foto: GettyImages

Considerada um ícone da moda por seu estilo andrógino, Monáe afirmou que deixou pistas sobre sua sexualidade em algumas músicas, especificamente em “Mushrooms & Roses” e “Q.U.E.E.N.” O nome original deste último era “Q.U.E.E.R” (gíria que, em inglês, é usada para designar pessoas que não seguem o modelo de heterossexualidade ou do binarismo de gênero).

“Sendo uma mulher queer nos EUA nesse momento, eu me sinto uma filha da p*ta muito livre”, brincou. “Eu quero que jovens garotas, jovens garotos, não binários, gays, héteros, pessoas queer que ainda estão descobrindo sua sexualidade saibam que eu consigo vê-los e apreciá-los”.

Sobre seu seu novo álbum, Dirty Computer, a rainha do R&B afirmou que ele foi feito para “todo mundo que sente ostracismo ou bullying por ser diferente”.

Leia também:
4 motivos que fazem “Pynk”, de Janelle Monáe, o melhor vídeo do ano