Lala Rudge veste look total Tufi Duek, bolsa da Wai Wai e joias La CT – Foto: Jorge EWald, com direção de arte de Ines Néspoli, edição de moda de Carlos Esser e beleza de Markito Costa

A verve empreendedora de Lala Rudge vem de família. Esse lado de bastidores a fascinava desde adolescente, pois sabia que tinha tino para os negócios. “Por mais que tenha começado como influenciadora e blogueira, curto mais o backstage”, conta à Bazaar. Inclusive, é uma faceta pouco explorada nas suas redes sociais, que ainda quer mostrar.

Look total Louis Vuitton e brincos B. Luxo – Foto: Jorge EWald, com direção de arte de Ines Néspoli, edição de moda de Carlos Esser e beleza de Markito Costa

Seu envolvimento com moda vem do início da vida adulta, com passagens pela Mixed (de sua tia) e da extinta Daslu. Orgulha-se por ter vivido o colorismo fashion da virada do milênio, com mix de estampas e até barriga de fora – que ela adora e dão o tom deste ensaio.

Cardigan e calça Coven, brincos e pingentes La CT, e flats Escudeiro & Co – Foto: Jorge EWald, com direção de arte de Ines Néspoli, edição de moda de Carlos Esser e beleza de Markito Costa

A faculdade de Direito, que ela não chegou a terminar, veio para ampliar seu know-how. Sempre esbarrou no universo do consumo de luxo e estilo. “Quando criei o blog, era uma coisa que nem tinha no Brasil”, explica. “Era um passatempo porque sempre gostei de dar dicas de beleza e cosméticos, um pouco do meu lifestyle.”

Lala Rudge usa tricô e saia Balmain, bolsa Dolce & Gabbana, brincos e pulseira La CT – Foto: Jorge EWald, com direção de arte de Ines Néspoli, edição de moda de Carlos Esser e beleza de Markito Costa

O que era uma brincadeira foi se profissionalizando. O estalo veio em uma viagem internacional: por que não transformar a paixão por roupas íntimas em negócio? “Queria uma marca que estivesse conectada às tendências, fosse jovem, divertida e fresh”, conta. Surgiu então a La Rouge Belle, de lingeries, que hoje tem até flagship focada em experiência no shopping Cidade Jardim, em São Paulo -, e viu um crescimento de 390% no e-commerce e de 75% na loja física, em 2020, em comparação ao ano anterior.

Look total Tufi Duek, brincos e bracelete La CT – Foto: Jorge EWald, com direção de arte de Ines Néspoli, edição de moda de Carlos Esser e beleza de Markito Costa

Recentemente, também lançou o perfume “Mystére“, que em breve terá novos aromas. Pretende explorar mais o segmento de beleza, ampliando a linha de skincare (com acessórios e produtos) que, ela promete, veio para ficar. “Sempre fui ligada aos cuidados de pele das coreanas, porque têm todo um ritual, acessórios e isso sempre me fascinou. Pesquisei muito.”

Look total Dolce & Gabbana, brincos B. Luxo, cinto Gucci e anel La CT – Foto: Jorge EWald, com direção de arte de Ines Néspoli, edição de moda de Carlos Esser e beleza de Markito Costa

Ao olhar para trás, Lala consegue vislumbrar o território demarcado por ela e outras influenciadoras veteranas, como Camila Coelho, Camila Coutinho, Helena Bordon, Nati Vozza e Thássia Naves. E, ao longo da jornada, conseguiu aproximar quem está por trás da tela do celular. “As pessoas buscam a opinião e dicas de mulheres reais, que conhecem e têm proximidade”, analisa, dizendo que fica feliz quando uma influenciadora consegue transformar seu status em negócio. Ela própria, além de óculos e joias, está focada em ampliar o licenciamento de produtos para que as mulheres sintam-se mais confiantes e seguras.

Camiseta Isabel Marant, camisa e calça Minha Vó Tinha, brincos e anel La CT e tênis Converse – Foto: Jorge EWald, com direção de arte de Ines Néspoli, edição de moda de Carlos Esser e beleza de Markito Costa

A pandemia foi momento de reflexão e de olhar para dentro, identificar os verdadeiros valores. “Para mim, sempre foram priorizar a família, amigos, olhar o próximo e fazer o bem”, resume. Apesar de ter sua vida exposta nas redes sociais, prefere postar dicas, looks do dia e conteúdo informativo.

Os momentos só dela, prefere compartilhar apenas com o namorado Bruno Khouri e com a família. “Perguntam se não tenho um dia que acordo de cara lavada e fico de moletom. Claro que eles existem, mas esses dias não posto porque quero ficar tranquila, offline.” Raros, esses sumiços acontecem, geralmente, nos feriados – sem contato até mesmo com a equipe devidamente avisada.

Camiseta Isabel Marant, óculos e saia Minha Vó Tinha, colar e pingente La CT – Foto: Jorge EWald, com direção de arte de Ines Néspoli, edição de moda de Carlos Esser e beleza de Markito Costa

Prestes a completar 31 anos no dia 20 deste mês, Lala acumula grandes feitos na carreira, entre eles collabs com grandes marcas. “Me sinto melhor hoje do que aos 20. Mais realizada profissionalmente e, pessoalmente, mais madura e empoderada”, gaba-se.

Seu maior sonho ainda vem da vida pessoal. Quer casar e ter filhos em um futuro breve e já avisou o namorado. “Tudo tem a hora certa, tudo a seu tempo.” Se tem outra coisa que aprendeu a administrar foi a expectativa dos outros sobre ela. E quem a conhece, fica boquiaberto com sua personalidade. “Tenho uma opinião muito forte sobre as coisas.” Levando sua verdade àquilo em que acredita, a influencer e, acima de tudo, empresária, segue na vanguarda e, pelo caminho, vai deixando sua marca.