Chloé Zhao – Foto: Getty Images

Chloé Zhao, diretora do longa-metragem “Nomadland”, venceu na categoria melhor direção no Oscar 2021, realizado na noite de domingo (26.04). Ela é segunda mulher a vencer nesta categoria e a primeira mulher não-branca a erguer a estatueta.

Anteriormente, apenas cinco mulheres haviam sido nomeadas nesta categoria em 93 anos de premiação. A primeira a ser premiada foi Kathryn Bigelow pelo filme “Guerra Ao Terror”, de 2010.

Na ocasião, ela usou um look comfy da Hermès e optou pelos tênis – um visual que tem tudo a ver com o momento atual.

A diretora chinesa já havia feito história este ano no Globo de Ouro, arrematando os prêmios de melhor direção e melhor filme de drama. O longa-metragem também venceu, em setembro de 2020, o Festival de Veneza.

Chloé Zhao – Foto: Getty Images

Aos 38 anos, ela é um dos maiores nomes em ascensão em Hollywood – mesmo com uma pequena filmografia. Chloé tem apenas outros dois filmes no currículo: “Songs My Brothers Taught Me” (2015) e “Domando o Destino” (2017).

Ela se mudou para Londres ainda na adolescência e estudou ciências políticas em Massachusetts, mas sua obsessão por contar histórias de política relacionada à vida das pessoas a fez estudar cinema. Ela se graduou então pela famosa universidade de Nova York e estreou seu primeiro curta, “Post”, em 2008.