A modelo Aira Ferreira veste Chanel – Foto: Alex Cayley, com styling de Joanne Blades, maquiagem de Dotti, cabelo de Kenna, assistência de styling de Twnee Clifton e manicure de Marha Fekete

Por Patricia Carta

A segunda onda da pandemia nos acachapou, verdade seja dita. Mas, calma, não surte! Há sempre saída! Bazaar engata no tema e vai buscar histórias e personagens que nos sirvam de alento e nos deem coragem em tempos tão distópicos. É o caso dos nossos retratados em “Feature” que, para não enlouquecer, iniciaram hobbies que se transformaram em ganha-pão. Cineastas que viraram floristas, estilista que se tornou artista plástica, músico que virou escritor.

Em três momentos, descobrimos que no caos surge uma certa ética e até uma estética punk: ela está nos ombros com espetos, que voltaram à cena, e que simbolizam proteção, como mostra a nossa “Macrotendência”. Está na narrativa da artista Brenda Nicole que, punk até a alma, desponta com suas figuras perturbadoras e mensagens críticas. Baseada no faça você mesmo, a mensagem subliminar do movimento que saiu das ruas está até no jeito de ser da estilista Paula Le Moult, nossa personagem de “Fashionable Life”, que leva a vida no melhor estilo punk-rock.

A modelo Mariana Santana veste Gucci – Foto: Ilaria D’Atri, com styling de Elisa Nalin, maquiagem de Andrea Costa, cabelo de Gabriele Trezzi e set desing de Cosimo Bonciani

Para não surtar, a nossa entrevistada de “At Work”, Luciana Wodzik, diretora da Arezzo, reinventou a relação com as consumidoras e conseguiu permanecer nos pés das brasileiras. Outro que recalculou a rota, o cantor Rico Dalasam, que andava sumido, ressurgiu em plena pandemia, com novo álbum e letras sem filtro. Recolhimento? Não para ele.

Nossa capa, Luísa Sonza, promete deixar igualmente o filtro de lado para se libertar, por meio da música, das mazelas que enfrentou no tribunal da internet. Surto como forma de expressão! Que também aparece no nosso editorial de capa da Gucci e na house party proposta em nossa terceira capa, a da Chanel.

A modelo Mariana Santana veste Gucci – Foto: Ilaria D’Atri, com styling de Elisa Nalin, maquiagem de Andrea Costa, cabelo de Gabriele Trezzi e set desing de Cosimo Bonciani

Mas há também espaço de calma nesta edição. Relaxe com os tons de azul que voltaram à cena com essa intenção. Ou com o beachwear da Michael Kors, estampado de verde-esperança, lindo e leve, estrelado por Mariana Rios. Vale lembrar que, depois da tempestade, sempre vem a calmaria. Basta sentir, parafraseando o título do livro da atriz, cantora e influencer, que, não à toa, faz o maior sucesso. Sinal dos tempos.

Baixe a edição na Apple Store
Baixe a edição no Google Play