Camila Queiroz veste Burberry e piercing da Pinli – Foto: Ivan Erick, com direção criativa de Jean Labanca, styling de Patricia Zuffa e beleza de Silvio Giorgio

Por Patricia Carta

Há quase 10 anos, quando Bazaar chegou ao Brasil pela Carta Editorial, uma das edições mais aguardadas por nós, da redação, e, claro, por nossas leitoras, era Incrível em Qualquer Idade. Mulheres dos 20 aos 80 anos contavam seus segredos de beleza – os cremes que usavam, o que comiam, as ginásticas que faziam. Valorizava-se, sobretudo, a aparência jovem das mais velhas. Como perpetuar essa imagem era digno de nota. A recompensa de algumas notáveis recaía sobre a frustração de uma maioria menos afortunada, por assim dizer.

Camila Queiroz veste Intimissimi – Foto: Ivan Erick, com direção criativa de Jean Labanca, styling de Patricia Zuffa e beleza de Silvio Giorgio

Esse conceito e modelo inatingível vieram abaixo depois de uma longa e velada luta e de uma recente aceitação de corpos diversos. Dez anos se passaram e essa edição, que se repete nos meses de maio e outubro, merece ser celebrada pela mudança de mindset que se conquistou ao longo dessa década. Hoje, incrível é se aceitar, é ter empatia, é ser consciente. Incrível é estar disposta a acelerar mudanças para todas, todos e todes e para o planeta.

Vestido Andrea Bogosian, com colar da Sauer – Foto: Cassia Tabatini, com direção criativa de Thiago Batista, edição de moda de Rodrigo Yaegashi e beleza de Branca Moura

Aproveitando o otimismo desse pós-período mais crítico da pandemia, e com a perspectiva de recomeço, envelopado na vontade de viver que agora nos arrebata, renascemos melhores. A atriz Camila Queiroz, aos 28 anos, a eterna Angel de “Verdades Secretas”, e uma de nossas capas, diz que há algum tempo “perdeu o filtro” e busca transparência em tudo o que faz. Aos 36 anos, Helena Lunardelli, também capa dessa edição, é influenciadora das mais longevas e conta que o segredo para se manter no panteão das influencers é dar a cara, sempre.

Mariana Rios usa óculos da Michel Kors nas Óticas Carol – Foto: Henrique Falci, com direção criativa de Luiz Gustavo, styling de Bruno Uchoa e beleza de Will Vieira

Outros nomes incríveis recheiam esta edição, como a artista plástica Anna Geiger que, do alto de seus 86 anos, nem pensa em parar de produzir e criar – e inspirar. Ou a atriz francesa Isabelle Huppert, que ao falar com exclusividade à Bazaar, revela que pretende se manter onipresente nas telas e, aos 68 anos, tem uma fila de projetos à sua espera. Colorir os cabelos com tons que vão do lilás ao azul tem sido a ousadia da vez para mulheres 70 mais que cansaram da invisibilidade, veja e leia em Beleza. Uma luz nova para enterrar de vez qualquer preconceito.

Capa especial da L’Oréal Paris – Foto: Divulgação

As mais novas também começam mais cedo a ter voz. Flor Jorge, filha de Seu Jorge, ainda não completou 19 anos e já tem uma carreira musical bem consolidada, inovativa e promissora. Leia em Radar. As millenials dão passos concretos na moda e conquistam as redes sociais. Conheça alguns desses nomes fortes do Instagram, como as Boss Babies, em Estilo. O mesmo vale para joias: designers bem novas foram o destaque por trás das peças-hit do verão europeu.

Mari Gonzales especial para o movimento Sou de Algodão – Foto: Adriana Damas, com direção criativa de Thiago Batista, styling de Fernando Batista e beleza de Liege Wisniewski

Sim, as mulheres estão à frente de muitas mudanças, como prova Gaby Amarantos, que  conta, em 24 Horas, que escolhe quando quer ou não dividir a cama com seu marido. Ainda na pauta de novos desejos, conheça histórias de mulheres que estão negociando a liberdade de viver o prazer fora do casamento. Será o fim da monogamia puxado por elas? Não duvidemos, as mulheres podem tudo. Inclusive resgatar nossa ancestralidade, nossa memória afetiva, em busca de maior conexão. Podem até, simplesmente, trocar receitas de creminho antirrugas. Por que não?nos

Baixe a edição na Apple Store
Baixe a edição no Google Play