10 coisas que amamos no verão 2020 da Burberry

A marca apresentou uma coleção elegantemente desconstruída

by Marcela Palhão
Foto: Reprodução/Instagram/@burberry

Foto: Reprodução/Instagram/@burberry

Durante seu desfile na semana de moda de Londres, a Burberry provou que há muita elegância na desconstrução. A label apresentou sua coleção de verão 2020 com detalhes que renovaram sua pegada clássica: punhos duplos e com faixas, barras de vestidos que se tornam capas, saias recortas e com babados, além de drásticas peças mullets. Até mesmo seu icônico trench coat foi reconstruído, ganhando aplicações de couro, barrados de lenço ou sendo usado como saia.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

A Burberry apresentou uma alfaiataria impecável em tons terrosos, deu asas às suas modelos com mangas bufantes e chamativas e estampou seu nome em golas, bolsas e casacos, provando que veio para marcar a memória dos fashionistas. A coleção recebeu o nome de “Evolução” e Riccardo Tisci disse que a coleção “foi inspirada por nosso passado e dedicado ao nosso futuro. É a evolução do reino da Burberry”.

Fotos: Reprodução/WWD

Fotos: Reprodução/WWD

Os lenços não foram apenas acessórios nesse desfile, eles marcaram a passarela ao substituírem peças como coletes, camisas e saias.

Foto: Reprodução/WWD

Foto: Reprodução/WWD

As penas enfeitaram e se tornaram caudas de vestidos soltos e despojados.

Fotos: Reprodução/WWD

Fotos: Reprodução/WWD

Camisas e casacos receberam dobraduras que mudaram completamente sua modelagem: as barras se voltavam para fora, se transformando em capas e outras camadas de um mesmo look.

Foto: Reprodução/WWD

Foto: Reprodução/WWD

Saias e vestidos mullets ganharam versões mais drásticas, curtos na frentes e extremamente compridos na parte de trás.

Fotos: Reprodução/WWD

Fotos: Reprodução/WWD

As franjas apareceram como a finalização de diversas peças, enfeitando mangas de camisas, vestidos e saias.

Fotos: Reprodução/WWD

Fotos: Reprodução/WWD

A Burberry é conhecida por seus casacos, principalmente os trench coats. Nessa temporada, a peça ganhou diversas releituras, com bordados, barras feitas com tecidos de lenço e, até mesmo, sendo usadas como saia.

Foto: Reprodução/WWD

Foto: Reprodução/WWD

Nessa coleção, as mangas foram o destaque de várias peças, seja porque era muito volumosas ou por funcionarem como capas.

Foto: Reprodução/WWD

Foto: Reprodução/WWD

Com inspiração na era vitoriana, golas altas, babados e renda completavam vestidos com transparência e o logo da marca.

Fotos: Reprodução/WWD

Fotos: Reprodução/WWD

Pouco mais de um ano depois de sua reformulação, o logo da Burberry continua sendo estampa forte em suas coleções. No verão 2020 não foi diferente, a imagem apareceu em golas de camisas, bolsas e casacos.

Foto: Reprodução/WWD

Foto: Reprodução/WWD

Vestidos com drapeados nas mangas e cinturas tinham ares de peças dos anos 20. Além disso, os tecidos dourados e cintilantes os deixavam ainda mais elegantes e festivos.

Leia mais:
Deu branco! All white domina as passarelas da temporada de moda
Roland Mouret: os 10 melhores looks do verão 2020
10 looks que amamos do verão 2020 da Ports 1961