Foto: Agência Fotosite
Foto: Agência Fotosite


Por Ligia Carvalhosa

De fato existe uma certa brasilidade no ar, uma busca pelo que é daqui e feito aqui, por pessoas daqui. E Giuliana Romanno segue esse mesmo caminho, mas sem nenhum estereótipo.

Sua Bahia é minimalista, orgânica e leve. As redes dos pescadores se transformam em tecidos telados (tendência!) de transparência sutil. Os cestos de palha são revisitados em jacquard de seda e até a alfaiataria estruturada – sua marca registrada – ganha versão em linho.

O resultado é uma coleção de formas fluidas pontuada por capas e coletes, com recortes estratégicos, decotes profundos e fendas – sensual sem ser vulgar, do jeito que Giuliana sabe fazer. As calças e shorts clochard marcadas por cintos largos e usadas com tops curtos merecem destaque.

Clique em nossa galeria para ver looks selecionados do verão 2016 da estilista, em desfile realizado nesta quinta-feira (16.04), no line-up do SPFW: