Bazaar no backstage da Cantão, minutos antes de o desfile começar - Foto: Paulo Reis/Harper's Bazaar
Bazaar no backstage da Cantão, minutos antes de o desfile começar – Foto: Paulo Reis/Harper’s Bazaar


Por Sylvain Justum

A coleção de verão 2014 da Cantão faz jus ao espírito aventureiro que a grife adora explorar. Desta vez, a viagem é interna, rumo às lembranças, sabores e momentos que passam pela vida. A inspiração, a obra O Gabinete de Curiosidades de Domenico Vandelli, viaja ao século 18 para percorrer a rede formada por naturalistas em direção ao novo. Complexo? Na prática, nem tanto. A diretora-criativa Lanza Mazza aposta no repertório que faz a fama da marca há décadas: shapes confortáveis, cores vibrantes, estampas em profusão, alma de carioca, enfim.

Mesclando referências à fauna e à flora tropicais, pinçando elementos rústicos para trilhar seu caminho na mata Atlântica. Seda em diferentes aspectos, jeans fininho, délavé e de efeito bleach, couro rústico e de salmão ­- às vezes alternando com decorações de miçangas localizadas nos ombros -, são os highlights da coleção. Pense em macaquinhos, vestidos longos e camisetas soltinhas.

São ótimos os tricôs de ponto largo, como o do total look cru, usado com shortinho, ou no azul lavado, com calça estampada. Tranças e chapéus desestruturados na cabeça, estilo pescador, óculos forrados de couro nos olhos. A maré está para peixe.

O look
Macaquinho de jeans fininho, clarinho e de efeito bleach, com miçangas mil, bordadas sobre os ombros.

O acessório
As bolsas de ripas de madeira aplicadas são uma boa sínteses da coleção, além de transmitirem o melhor conceito de elegância roots.

Clique na galeria abaixo para ver looks selecionados da pasarela: