Lilly Pulitzer em uma pool party na Flórida, usando uma de suas criações, em 1961 - Foto: Getty Images
Lilly Pulitzer em uma pool party na Flórida, usando uma de suas criações, em 1961 – Foto: Getty Images

Lilly Pulitzer, socialite e estilista que ficou conhecida por criar vestidos estampados radiantes, morreu no domingo (07.04), aos 81 anos. Lilly se lançou como empresária no final dos anos 1950, abrindo seu primeiro negócio em Palm Beach, na Flórida.

Lilly adorava ser sua própria garota-propaganda! - Foto: Getty Images
Lilly adorava ser sua própria garota-propaganda! – Foto: Getty Images

Sua história começou com uma loja de sucos, e Lilly decidiu desenhar seus próprios vestidos – estampadíssimos – para disfarçar as manchas das frutas que caíam em suas roupas. Os looks fizeram tanto sucesso que logo ela lançou sua marca. Entre as clientes, Jacqueline Kennedy já apareceu na capa da Life Maganize com uma das suas criações.

As socialistes norte-americanas sempre apostavam em looks Lilly Pulitzer - Foto: Getty Images
As socialistes norte-americanas sempre apostavam em looks Lilly Pulitzer – Foto: Getty Images

Desde então, ela assinou coleções de roupas e acessórios femininos, para bebês, material de papelaria, sapatos e modelos de moda festa.

Lilly Pulitzer com mais uma de suas criações - Foto: Getty Images
Lilly Pulitzer com mais uma de suas criações – Foto: Getty Images

Lilly era verdadeiramente original, juntando gerações com seu estilo alegre”, diz comunicado da grife que leva o seu nome. Seu negócio foi vendido em 1993 para a Sugartown Worldwide Inc., mas Lilly continou atuando como consultora até 2010, quando finalmente se aposentou. Casada com Peter Pulitzer, ela teve três filhos: Peter Jr., Liza e Minnie.