Inspirado pelo universo dos viajantes e nômades, Christophe Lemaire apresentou o desfile de inverno 2012/13 para a Hermès, neste domingo (04.03), na semana de moda de Paris.

Com a premissa de que “Viagem é movimento” e ninguém se movimenta mais do que um nômade; Lemaire misturou o rústico com o moderno, para uma coleção que conta com muito mix de materiais como couro, pele, lã, tricô e camurça; shapes folgados, toques gaúchos e um bom ar de androginia.

Androginia esta que vem dos arquivos da Hermès, de quando Martin Margiela era o diretor criativo da maison (entre 1997 e 2003), e trazia muitas influências masculinas às coleções que criava.

A referência masculina aparece de forma sútil e muito bem executada, com muitas cores sóbrias e opacas, além de alguns mix de estampas inspiradas pelas regiões montanhosas da Rússia.

Bazaar já imagina as gypsetters ao redor do mundo se deliciando com esta nova coleção da Hermès, tão própria de uma viajante moderna e ultra sofisticada.