Peças do Trash Chic - Fotos: divulgação
Peças do Trash Chic – Fotos: divulgação

Por Carolina Maggi

Trash Chic
Há 24 anos em atividade, o Trash Chic se concentra no mercado de luxo, com peças novas, seminovas e vintage em seu acervo. Além da loja física, no Jardim Paulista, o brechó tem um e-commerce onde podem ser encontradas grifes como Gucci, Marc Jacobs e Prada. Todas peças únicas e exclusivíssimas.

Laura Uiara (Joy Model)usa blazer Dior; vestido, tricô e óculos do acervo da Casa Juisi - Foto: Raphael Briest
Laura Uiara (Joy Model)
usa blazer Dior; vestido, tricô e óculos do acervo da Casa Juisi – Foto: Raphael Briest

Casa Juisi
De uma pequena (mas sempre cheia) loja nos Jardins, em São Paulo, para um casarão histórico no centro da cidade, a Casa Juisi é responsável por um dos mais ricos e amplos acervos de roupas do Brasil. São cerca de 35 mil peças, reunidas pelos sócios Simone Pokropp e Junior Guarnieri para locação. Para quem deseja comprar, basta uma visita ao Juisi by Licquor, brechó também sob curadoria da dupla com peças garimpadas pelo mundo, na Al. Tietê.

B.Luxo
Meca cool das antiguidades entre os paulistas, o B. Luxo reúne achados dos proprietários, o casal Paula Reboredo e Gil França, em suas viagens pelo mundo (e para localidades nada óbvias). Fundado em 2007, o brechó exibe em suas araras, nos Jardins, roupas com foco no vintage, mas sempre com o estilo rocker, que há tempos conquistou os armários mais invejados da cidade.

Ateliê Vintage
Com cara de loja antiga europeia, o Ateliê Vintage, em Curitiba, reúne em seu acervo o melhor das maiores marcas tradicionais de moda, como Dior, Louis Vuitton e Chanel – e sem o menor traço de naftalina.É que o brechó de luxo da empresária Clemilda Thomé trabalha apenas com peças semi-novas e ainda conta com a praticidade de um e-commerce.

Fotos: divulgação
Fotos: divulgação

À La Garçonne
Comandada por Fábio Souza, o brechó vende roupas, objetos de decoração e móveis trazidos de viagens. Mas não é só isso. A marca tem toda uma preocupação (e postura) com a sustentabilidade e faz do reúso de materiais sua principal bandeira. Foi sob ela, aliás, que a À La Garçonne estreou na mais recente edição do SPFW, com Alexandre Herchcovitch (marido de Fábio) como estilista. Entre as criações, masculinas e femininas, cruzaram a passarela do desfile da grife roupas de tecidos reutilizados, misturados com novos, além de intervenções artísticas sobre as peças, sempre mantendo o DNA retrô da loja. Uma nova filosofia de fazer e consumir moda.

Outros brechós para ficar de olho pelo Brasil

Rio de Janeiro
De Salto Alto – Tel.: (21) 2236-2589
Fast Fashion/Viva Retrô – Tel.: (21) 2255-4004
Emporium do Futuro – Tel.: (21) 2294-0992

Belo Horizonte
Retrô – Tel.: (31) 3225-9424
Lispector – Tel.: (31) 3261-1703
Brilhantina – Tel.: (31) 3261-5181

Porto Alegre
Me Gusta Brechó – Tel.: (51) 3573-4500
Na Sra. das Maravilhas – Tel.: (51) 3084-3089
Teia de Aranha – Tel.: (51) 3286-0212