Look da passarela de inverno 2014 da Céline - Foto: Getty Images
Look da passarela de inverno 2014 da Céline – Foto: Getty Images

O crescente mercado de luxo da China está cada vez maior, chegando a ultrapassar cifras da Europa e Estados Unidos. Assim, nada mais justo do que focar nesse mercado que vem se consolidando há pelo menos cinco anos, certo? Desfiles da Armani, reapresentações da Dior e lojas gigantes da Burberry e Chanel são só alguns exemplos do que os consumidores desse país aproveitam quando o assunto é moda. E se a maré é de sorte, o jeito é aproveitar – e é o que a Céline, marca comandada por Phoebe Philo, pretende fazer.

A China representa um dos cinco mercados mais importantes para a marca e, por isso, a atenção por ali deve ser redobrada. Para comemorar o desempenho, Phoebe arma nesta quinta-feira (22.05) um desfile em Pequim pela primeira vez. A ideia é reapresentar a coleção de inverno 2014 para jovens consumidores da marca, afinal, a Céline possui 20 lojas no país.